Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

110 empresas apoiaram o Pride de Londres (com fotos)

19693836_1521067034582220_9143293485875887071_o.jp

O centro de Londres voltou a ser ocupado este Sábado pelas celebrações do Orgulho LGBTI, desta vez com um número recorde de empresas associadas ao evento.

 

Segundo avançou a BBC, entre companhias aéreas e empresas de telecomunicações, foram 50 as empresas e marcas a apresentarem-se como parceiras oficiais do evento. barclays.jpgOutras 60 empresas apareceram como apoiantes do Pride. O banco Barclays, pelo quarto ano consecutivo, foi o maior patrocinador do evento. 

A rede de supermercados Tesco, por exemplo, decorou as 13 lojas localizadas no caminho do desfile. Além disso, cerca de 300 trabalhadores do Tesco participaram no desfile. Na empresa existe uma rede de funcionários LGBT, a Out at Tesco, com cerca de 2500 membros.

sadiq.jpg

Em declarações à BBC, Scott Williams, de 40 anos e que participa no Pride desde 1997, mostrou-se crítico da crescente presença de marcas. “Nas últimas duas vezes em que estive, em vez de encontrar o espírito original da marcha - um protesto por direitos iguais e visibilidade - parecia um imenso anúncio publicitário voltado para a comunidade LGBT”, disse. Polly Shutte, responsável pela área de patrocínios do Pride in London, contrapõe que a marcha é um dos poucos eventos grátis do orgulho LGBT em Londres. "Queremos continuar assim, o mais inclusivos possível, mas alguém precisa de pagar a conta. Essas empresas representam muitas pessoas - e é importante que apoiem essas comunidades no trabalho", afirma.

 

Reportagem fotográfica de Revan Horta aqui

 

 

 

 

 

 

 

Publicidade:

 

 

6 comentários

Comentar