Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Trabalhadores do sexo querem mostrar que existem (vídeo)

“O calendário dos Trabalhadores do Sexo 2011 é uma resposta forte e corajosa para reivindicar uma existência própria, independente, voluntária e independente. Um grito para escapar dos papéis sociais associados com a miséria e marginalização de uma actividade ilegal. Um ano para mostrar uma realidade escondida por falsa modéstia ou nenhuma empatia, doze oportunidades para lembrar que o corpo é propriedade individual e que o trabalho sexual (realizado por adultos em uma voluntária e independente) deve ser reconhecida como uma actividade profissional.”

É este o manifesto do calendário dos Trabalhadores do Sexo 2011, que começou a ser comercializado em Espanha. O projecto, da responsabilidade do Programa de Atención a Trabajadores del Sexo, da Fundación Triángulo, pretende dar visibilidade a este grupo. Este é o segundo ano consecutivo em que o calendário é posto à venda. A edição de 2011 será amanhã apresentada numa festa em Madrid, seguindo-se depois outros eventos em Barcelona e Valência. A promoção culminará a 17 de Dezembro, Dia Internacional do Trabalho Sexual.

A Fundación Triángulo nasceu em 1996 para conseguir a igualdade de direitos políticias e sociais para a população LGBT. A associação está presente nas comunidades de Andaluzia, Canárias,  Castilla y León, Castilla La Mancha, Extremadura e Madrid.

 

2 comentários

Comentar