Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Uma volta pelo Algarve

 

Durante este Carnaval rumamos ao Sul, já que foram inúmeras as iniciativas pelos bares e discotecas LGBT, passando pela inauguração de mais um espaço, o Gayvota Bar, em Faro. O Gayvota Bar fica na Travessa de São Pedro, no centro da animação nocturna de Faro. O espaço abriu portas na passada sexta-feira, a tempo das festas de Carnaval.

Mas existem mais espaços bem animados. Ainda na capital do Algarve, o Next Bar também realiza todas as sextas-feiras espectáculos com drag queens, como é o caso de Marlene. Outro clássico da noite LGBT do Algarve é o Boémio Bar em Portimão (com Linda Xenon). Em Albufeira, o Best of Bar ou o Pride Disco foram outras das opções.
Quando se vai para o Sotavento algarvio chega-se a Tavira e aí pode procurar-se o Arco Bar onde as segundas-feiras são de Marlene e as quintas de Linda Xenon. Ainda em Tavira o Meeting Room aposta em DJ e por vezes em música ao vivo.
Em Cabanas (Tavira), o Quasi Modus bar é gay friendly. De proprietários holandeses e gerido por Vitor Hugo, que teve os seus 15 minutos de fama numa das edições do Big Brother, "para lá dos shows dos verdadeiros artistas, os clientes podem ser eles próprios os protagonistas da animação", como descreve o Observatório do Algarve. Já no Nox Lounge de Monte Gordo (Vila Real de Santo António) todos os meses realiza-se uma festa gay.

 

Resumo feito por Luís Miguel Pinhão, com autorização, do texto publicado no Observatório do Algarve

 

6 comentários

Comentar