Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Irlandesa transgénero pede asilo ao Canadá

Uma cidadã transgénero irlandesa está a tentar obter estatuto de refugiada no Canadá porque receia voltar ao seu país natal. Tanya Bloomfied de 40 anos de idade, reside e trabalha na província canadiana da Nova Escócia desde 2006 onde gere uma empresa de informática. 


O seu pedido para obter um visto de trabalho e residência temporária foram negados e o advogado de Tanya declarou que Tanya poderá ser deportada se o apelo for recusado. Segundo os amigos de Tanya, esta contribui activamente para a sociedade  conseguindo milhares de dólares para patrocinar o Halifax Pride e até participou descalça numa maratona de benificência a favor de uma comunidade cristã LGBT no passado mês de Maio.


Tanya declarou ao jornal Vancouver Sun que “há vários casos registados de ataques trans/homofóbicos na Irlanda, eu cresci lá e não é um país para o qual eu queira voltar uma vez que eu sou transgénero e sinto que estaria em perigo. Espero que os serviços de estrangeiros e fronteiras canadianos vejam que eu dou o meu contributo para a sociedade,  cultura, economia do país e para o mercado de emprego”.


Se adquirir o estatuto de refugiada, Tanya Bloomfield será elegível para residência permanente. O resultado será conhecido no final da próxima semana.

SIC não censura beijo lésbico (vídeo)

 

 

No passado dia 22 de Julho, a novela Lua Vermelha da SIC incluiu um beijo lésbico depois de Luísa declarar o amor a Rita. A cena foi para o ar uma semana antes de ser conhecida a carta de protesto de 10 colectivos contra a decisão da TVI em não exibir um beijo entre duas personagens masculinas da série Morangos com Açúcar. Já antes, outra novela da SIC, a Podia Acabar o Mundo mostrou um beijo entre as personagens Cláudia e Sónia, interpretadas por Diana Chaves e Ana Guiomar. A TVI, a propósito do caso Morangos com Açúcar, referiu que “não podemos deixar de considerar fortemente irónico que sejam exactamente a TVI e a Plural que tanto têm feito, por vezes sozinhas, pela abordagem sensata e aberta de temas mais incómodos para a sociedade portuguesa, a serem considerados responsáveis de ‘retrocesso civilizacional’, o que refutamos liminarmente”. E acrescenta que tanto o canal como a produtora Plural não abdicam do “direito, nem fogem da sua responsabilidade, de serem o último decisor em relação ao conteúdo das suas emissões no pleno exercício da sua liberdade artística e editorial”. Aparentemente, a estação de Queluz não pretende, tão cedo, exibir um beijo entre dois homens ou duas mulheres.

 

                                           

Pág. 3/3