Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Ney Matogrosso: “Homossexual, heterossexual, isso tudo é uma bobagem. É tudo sexualidade” (com vídeo)

O festival Delta Tejo começa hoje e prolonga-se até Domingo no Alto da Ajuda, em Lisboa. No último dia vai actuar Ney Matogrosso, mas nomes como Sean Paul, Nelly Furtado, Clã, Áurea, Amor Electro, Maria Gadú e Nouvelle Vague também vão marcar presença. A multiculturalidade dos artistas, maioritariamente oriundos de países produtores de café, é uma das premissas deste festival que já vai na quinta edição.

Quase a celebrar 70 anos, Ney Matogrosso é conhecido pela sua excentricidade, dentro e fora do palco. Em 2008 em entrevista ao Destaque São Paulo, o cantor brasileiro foi directo: "Eu já transei com muitas mulheres e com muitos homens. Eu acho que esse rótulo 'homossexual' é muito recente, do final do século XIX. Essa palavra não existia e ela se referia a homens que transavam com muitas mulheres. Quer dizer, 'homem sexual, sexualidade masculina exacerbada, homossexual'... Não sei por que transformaram o sentido dessa palavra. Isso o que eu estou falando pra você, Cléo, é científico, não estou inventando. Homossexual, heterossexual, isso tudo é uma bobagem. É tudo sexualidade humana. Tudo isso são rótulos, é mais uma forma de manipulação, é uma palhaçada. Isso não interessa. O que importa é a liberdade de se expressar sexualmente. O ideal é que todo mundo se expresse livremente tanto com homens ou com mulheres, do jeito que bem entender. Acho que isso não deve ter nome."

O programa completo do Delta Tejo pode ser consultado em www.deltatejo.com. O bilhete diário custa 30 euros, o passe para os três dias vale 48 euros.