Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Sónia Rescalvo foi assassinada há 20 anos (com vídeo)

Foi um dos casos que abalou a sociedade espanhola em 1991. Sónia, de 35 anos, foi assassinada por transfobia por sete jovens skinheads neonazis com idades compreendidas entre os 15 e os 18 anos de idade. Os jovens atacaram-na com botas com biqueira de aço e com paus na madrugada de 6 de Outubro no Parque de la Ciutadella, em Barcelona.

Nessa mesma noite houve mais quatro vítimas da violência deste grupo de skinheads pertencentes ao grupo Vanguardia Nacional Revolucionaria: três sem-abrigo e uma transexual. Um deles ficou cego e Doris, a mulher transexual, ficou em estado de coma.

Os sete jovens foram condenados a uma pena considerada exemplar na altura do julgamento ocorrido em 1994. No total a pena de todos somava 310 anos. Actualmente apenas um deles continua a cumprir pena de prisão.

A morte de Sonia Rescalvo marcou um antes e um depois na luta pelos direitos das pessoas LGBT e das minorias no país vizinho.

 

 

Já segues o dezanove no Facebook?