Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Prémios Arco-Íris: “O meu livro não foi só escrito a pensar nas crianças”

Ana Zanatti foi uma das galardoadas pelos Prémios Arco-Íris, que foram esta quarta-feira entregues pela ILGA Portugal, em Lisboa. O dezanove falou com a escritora sobre o livro "Teodorico e as Mães Cegonhas", também distinguido pelo dezanove como Livro do Ano.

O livro versa sobre homoparentalidade e é destinado a um público infantil, mas não só. Com o tema da homoparentalidade na ordem do dia e a poucos dias de ser votada em Parlamento, "Teodorico e as Mães Cegonhas" afirma-se como um conto muito actual que pode ajudar alguns adultos a perceber as dificuldades dos casais que se vêem impedidos de adoptar e a percepcionar a simbologia deste conto revestido de esperança. A entrevista ajuda a compreender o alcance que a obra está a ter.

 

dezanove: Quais as reacções que lhe têm chegado sobre o livro?

Ana Zanatti: As reacções têm sido muito positivas e interessantes. Independentemente dos prémios e deste reconhecimento [Prémio Arco-Íris], quando escrevo um livro estou a pensar no impacto que este vai ter junto das pessoas e como pode abrir as mentalidades e fazer com que as pessoas sejam sensíveis à diversidade.

 

Consegue destacar algumas dessas reacções?

O livro está a ter muito boa aceitação por parte dos professores e escolas. Fiquei a saber que recentemente três turmas, cerca de 150 alunos, estão a fazer trabalhos sobre este tema.  Noutra escola vai haver uma peça de teatro sobre a história do Teodorico. Fui também convidada para uma sessão de apresentação na Escola Superior de Educação [de Lisboa]. É um sinal que o livro está a cumprir o seu percurso, porque o meu livro não foi só escrito a pensar nas crianças. Tive sempre a esperança que os adultos pegassem nele e fizessem trabalho a partir daí.

 

Avizinha-se algum novo livro?

Tenho ideias para muitos livros, mas com esta temática, para já, é apenas este. (risos)

 

Todas as fotos dos Prémios Arco-Íris

 

Já segues o dezanove no Facebook?