Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Marcha do Orgulho do Porto já não vai pagar taxa de ruído (actualização)

Esta terça-feira o executivo municipal do Porto decidiu suspender a cobrança de taxas e a aplicação de multas à Marcha do Orgulho LGBT do Porto, após proposta do vereador da CDU.

 

"Estamos na presença de manifestações de cariz político de defesa dos direitos da comunidade homossexual, bissexual e transgénero. A imposição de taxas coloca em causa liberdades e garantias dos cidadãos", justificou antes da reunião o vereador Pedro Carvalho, numa proposta citada pela Lusa. O vereador pretendia que a Câmara fizesse "as diligências necessárias junto dos serviços competentes" para que não fossem cobradas "quaisquer taxas à sétima Marcha do Orgulho LGBT do Porto".

 

Recorde-se que no início deste mês o Jornal de Notícias avançou que a Câmara do Porto aplicou nos dois últimos anos uma taxa de ruído à Marcha, porque a classifica como "espectáculo". Esta taxa nunca foi paga pela organização.

 

Notícia actualizada a 14 de Março

 

Fotos da última Marcha do Orgulho do Porto

 

3 comentários

Comentar