Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Mitt Romney: “O casamento só pode ser a união entre um homem e uma mulher"

 

O candidato republicano Mitt Romney às presidenciais dos Estados Unidos deixou ontem bem clara qual a sua posição sobre o casamento entre pessoas do mesmo sexo. "Acredito que o matrimónio não é outra coisa se não a união entre um homem e uma mulher", disse num acto de campanha em Oklahoma.

Num comício em Outono do ano passado, Romney tinha declarado ser até contra as uniões civis já que, justificou, "supõem uma equiparação total de direitos aos do matrimónio, mas com outro nome". Romney, que é considerado um moderado dentro do Partido Republicano, já tinha dito que, no máximo, seria a favor de um "acordo de associação" entre pessoas do mesmo sexo.
Ainda dentro do Partido Republicano, é publico que o ex-vice-presidente Dick Cheney apoia o casamento, já que uma das suas filhas é lésbica. Também a ex-primeira dama Laura Bush declarou-se há dois anos a favor das uniões entre pessoas do mesmo sexo.
O tema regressou à agenda política dos Estados Unidos depois de Barack Obama, pela primeira vez, ter-se declarado a favor do casamento. As eleições estão marcadas para 6 de Novembro.                                                                                                

 

2 comentários

Comentar