Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Hugh Hefner, fundador da Playboy, a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo

Hugh Hefner, o fundador da Playboy, chamou a atenção no editorial de uma das suas revistas masculinas que sairá para as bancas em Setembro para o tema da luta pela igualdade no casamento. 

Hefner, actualmente com 86 anos, refere: “Hoje, em todas as situações em que os direitos sexuais estão sob ataque, se encontra legislação, posta forçosamente em prática por pessoas que praticam actos discriminatórios, disfarçada de liberdade religiosa”. “O seu objectivo é desumanizar a sexualidade de todas as pessoas e reduzir-nos ao uso do sexo apenas para fins procriativos”. “Desta forma, estão a criminalizar toda a vossa vida sexual”.

Hugh acrescenta que os EUA "são uma nação religiosa, mas são também uma nação secular… Ninguém deve subjugar os seus direitos religiosos e, do mesmo modo, ninguém pode ter as suas liberdades pessoais violadas. Isto é a América e nós devemos proteger os direitos de todos os americanos”.

Não é a primeira vez que Hefner defende os direitos de lésbicas, gays, bissexuais e transgéneros. Em 2009 o documentário "Hugh Hefner: Playboy, Activist and Rebel" dava conta de uma história controversa publicada em 1955, da autoria de Charles Beaumont, em que a homossexualidade seria a norma e os heterossexuais eram perseguidos. No documentário Hefner, citado pela Advocate, defendeu: "Se é errado perseguir heterossexuais numa sociedade homossexual, o contrário também o é.”

Noutro documentário, "Hefner told the Daily Beast", afirmou: "A ideia que o conceito casamento poderá ser danificado por causa do casamento entre pessoas do mesmo sexo é ridícula. Os heterossexuais não o têm feito outra coisa desde que começaram.”

 

Já segues o dezanove no Facebook?