Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Futebol alemão e Merkel em combate contra a homofobia

A terceira jornada da Bundeliga foi histórica para a visibilidade dos homossexuais no futebol. O campeonato de futebol alemão organizou um conjunto de acções contra a discriminação em função da orientação sexual.

Os jogadores entraram em campo com camisolas em que, em vez do logótipo dos patrocinadores, se podia ler o nome da iniciativa "Geh Deinen Weg" ("Siga o seu próprio caminho"). Logo na sexta-feira, as equipas Augsburg e Wolfsburg apareceram com o logo da campanha. Angela Merkel, por sua vez, esteve no estádio do Borussia Dortmund no jogo contra o Bayer Leverkusen. A chanceler declarou que "todas as pessoas que têm força e coragem para se assumir devem saber que vivemos num país onde não há nada a temer".Guido Westerwelle, gay assumido e responsável pela pasta dos Negócios Estrangeiros do governo de Merkel, apadrinhou a iniciativa.
A iniciativa funcionou como uma resposta a uma entrevista de um jogador gay profissional à revista Fluter. "O preço que pago por viver o meu sonho enquanto jogador da Bundesliga é alto. Tenho de ser um actor durante o dia todo e entrar em auto-negação", referiu então o jogador, sob anonimato.