Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Várias aliadas da comunidade LGBT na votação para Personalidades Femininas da Lux

Isabel Moreira, Maria de Belém, Maria Rueff, Dalila Carmo, Fátima Lopes, Cândida Pinto, Inês Pedrosa, Sandra Correia, Sara Sampaio e Rita Blanco são algumas das personalidades nomeadas pela revista Lux para o Prémio Personalidade Feminina do Ano.

 

O júri composto por várias figuras públicas, entre as quais Nicolau Breyner, Helena Sacadura Cabral e Virgílio Castelo, chegou à lista das 39 mulheres que mais se destacaram em 2012. Em cada uma das 13 categorias existem três nomeadas.

A votação decorre até dia 30 de Janeiro é feita pelos leitores da revista via telefone ou através do site Lux.pt. Após a eleição da Personalidade Feminina será também realizada a eleição das Personalidades Masculinas de 2012. Os resultados da segunda edição desta iniciativa são conhecidos a 8 de Fevereiro.

 

Algumas informações sobre as nomeadas:

Isabel Moreira (categoria Política) é deputada independente eleita pelas listas do PS, é uma das vozes que mais faz ouvir os Direitos LGBT no Parlamento. Já foi distinguida com o prémio Deputada do Ano 2011. Em 2009, juntou-se às 900 figuras públicas no manifesto a favor do casamento civil das pessoas do mesmo sexo em Portugal.

Maria de Belém (categoria Política), ex-Ministra para a Igualdade (1999-2000);

Inês de Medeiros (categoria Política), subscreveu o manifesto a favor do casamento civil das pessoas do mesmo sexo.

Maria Rueff (categoria tv Entretenimento), actriz em “Estado de Graça” (RTP), integra a equipa premiada com “Programa Televisivo do Ano”. Integrou a lista de subscritores públicos do manifesto a favor do casamento civil das pessoas do mesmo sexo.

Dalila Carmo (categoria Cinema), actriz em “Florbela” de Vicente Alves do Ó. Foi, em 2009, uma das 900 subscritoras públicas do manifesto a favor do casamento civil das pessoas do mesmo sexo.

Fátima Lopes (categoria TV Entretenimento), apresentadora do programa “A Tarde é Sua” (TVI). Levou ao seu programa em 2012 o primeiro casal homossexual que se casou em Tomar.

Cândida Pinto (categoria TV Informação), coordenou a série documental “Momentos de Mudança” (SIC), onde se destacou pela primeira vez o quotidiano de um casal homossexual e ainda onde deu a conhecer a inspiradora história de Alexandra.

Sandra Correia (categoria Moda), a CEO da Pelcor transformou a cortiça numa marca trendy e que dá cartas dentro e além-fronteiras. A marca foi durante algumas edições uma das patrocinadoras das lembranças dos Prémios Média da rede ex aequo.

Sara Sampaio (categoria Moda), foi em 2012 uma das manequins portuguesas mais requisitadas em todo o mundo. É amiga de um dos casais de homossexuais mais mediáticos de Portugal: Luís Borges e Eduardo Beauté.

Inês Pedrosa (categoria Literatura). Assinalou em 2012 vinte anos de escritora. Madrinha da Marcha do Orgulho LGBT de Lisboa em 2005. Subscritora do manifesto pela igualdade no acesso ao casamento civil entre pessoas do mesmo sexo.

Rita Blanco (categoria TV Ficção): O seu desempenho no filme "Sangue do Meu Sangue" justifica a nomeação. A actriz integrou o júri do festival Queer Lisboa em 2010.

 

Já segues o dezanove no Facebook?