Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Paula Teixeira da Cruz saúda Parlamento pela co-adopção. Ribeiro e Castro critica Ministra da Justiça

A Ministra da Justiça felicitou esta quarta-feira os deputados que permitiram aprovar na generalidade a lei da co-adopção de crianças por casais do mesmo sexo. Recorde-se que no passado dia 17 de Maio o projecto de lei dos deputados Isabel Moreira e Pedro Delgado Alves obteve 99 votos a favor, 94 contra e nove abstenções.

 

Paula Teixeira da Cruz afirmou que ”a adopção deve depender das circunstâncias aferidas caso a caso de quem adopta e não propriamente de uma determinada orientação” e acrescentou  que o necessário é verificar se "há alguém que tem condições ou não para adoptar", não devendo "o resto interferir".

Pouco depois, o ex-líder do CDS-PP, Ribeiro e Castro criticou as declarações de Paula Teixeira da Cruz: "É um sinal, a acrescer a outros, de estarmos com um Governo sem rei nem roque, em completa desorientação.” Ribeiro e Castro considerou "fortemente criticável" que "um membro do Governo tome uma posição política contra a posição dos partidos e bancadas que apoiam esse Governo". "Acho que foi um acto de insensatez, que, infelizmente, não é invulgar na senhora ministra, e de falta de sentido da responsabilidade na condução das coisas públicas, com propriedade", afirmou, falando de um "gesto inapropriado e manifestamente infeliz, uma originalidade que entra para o Guinness do desconchavo político" pode ler-se no jornal Público.

 

Já segues o dezanove no Facebook?

 

 

 

5 comentários

Comentar