Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Como foi o primeiro Orgulho Gay de Cabo Verde (com vídeo)

Cabo Verde tornou-se num dos países pioneiros de África, a par da África do Sul, a celebrar nas ruas o Orgulho Gay de uma forma pacífica. A Marcha saiu às ruas do Mindelo no passado Sábado juntando centenas de pessoas, entre os participantes, a população local e os turistas.

Igualdade de direitos, incluindo o acesso ao casamento, estiveram entre as reivindicações dos manifestantes. O percurso terminou na praça Dom Luís, com as palavras de Anilton Barrios e Elvis Tolentino, responsáveis pela Associação Gay Caboverdiana (AGC). “Não podemos esperar mais. Cabo Verde tem direitos e vai começar a exigir aos nossos representantes políticos que os cumpra, que sejam coerentes com as suas políticas”, reivindicaram os activistas.

“Não somos pessoas de segunda categoria, somos filhos de Cabo Verde e como tal pedimos respeito e

igualdade real”. Além disso, também pediram, no âmbito do sistema de saúde pública, “um programa de atenção para pessoas transexuais, um melhor e maior acesso a atenção de mulheres lésbicas, discriminação positiva na empregabilidade de pessoas LGBT em situação de exclusão social e, sobretudo, a criação de uma cooperativa têxtil onde possamos ser nós mesmos, deixar a prostituição e ter um trabalho digno”.

Este foi o culminar de uma semana onde decorreram debates, exposições e vários eventos para dar visibilidade à comunidade LGBT de Cabo Verde. Para a fotógrafa alemã Juliette Brinkman, que integrou esta iniciativa pioneira, “sair nas ruas é uma demonstração de que Cabo Verde e Mindelo podem fazer coisas importantes para o seu desenvolvimento, já que exemplos como estes são produto de sociedades onde o valor das pessoas está por cima do credo, etnia ou a orientação sexual”. O objectivo é agora organizar uma parada na capital, Cidade da Praia.





Álbum de fotos da primeira Parada Gay de Mindelo

Fotos e vídeos da autoria de Odair Varela, TCV e AGC

3 comentários

Comentar