Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Imprensa nacional e internacional atenta à Marcha de Braga. PNR também

A primeira Marcha pelos Direitos LGBT da cidade de Braga realiza-se este Sábado a partir das 16 horas. A imprensa internacional, como o Fofoki Brasil ou o Gay Star News do Reino Unido, está a dar destaque ao evento que ocorre pela primeira vez na Cidade dos Arcebispos.

Também a imprensa portuguesa está a dar amplo destaque ao evento. Público, TVI 24 ou Porto Canal noticiaram nas últimas horas a primeira edição marcha.

Recorde-se que o ponto de encontro está marcado para o Arco da Porta Nova, no centro da cidade. Daí a marcha passará pela Sé de Braga e pela Câmara Municipal terminando o seu percurso na Avenida Central, onde será lido o manifesto. No manifesto pode ler-se que o objectivo do evento é "dar visibilidade e voz" às minorias" sexuais. A organização refere que os cidadãos LGBT "ainda vivem sob o risco permanente da discriminação, do insulto, da agressão e do ostracismo, quer a nível social e profissional, como também a nível jurídico e religioso".

"Queremos mudar mentalidades e viver numa região capaz de respeitar e celebrar a sua diversidade" remata a organização composta por vários colectivos que promovem os Direitos Humanos: Panteras Rosa, Núcleo do Teatro do Oprimido, Portugalgay, Opus Gay, Caleidoscópio LGBT, AMPLOS, rede ex aequo, Abraço, UMAR, Bloco de Esquerda e o MAS.

Durante a manhã foram vistos em Braga, em vários locais do percurso da marcha deste Sábado, cartazes em defesa da família tradicional. Os cartazes contêm o logotipo do Partido Nacional Renovador. O colectivo Panteras Rosa lançou o seguinte apelo no Facebook: "A nossa visibilidade e as nossas famílias são a resposta!!!"

 

Recorda a primeira notícia na imprensa sobre a Marcha de Braga aqui.

 

Os leitores do dezanove.pt poderão acompanhar a 1ª Marcha pelos Direitos LGBT de Braga nas redes sociais Facebook e Twitter através da hashtag #orgulho2013

 

Já segues o dezanove no Facebook?

 

 

 

 

3 comentários

Comentar