Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Turismo português ainda à espera de “sair do armário”

A última edição da Publituris, a principal revista para profissionais do turismo em Portugal, tem como tema de destaque o segmento LGBT. A reportagem, da autoria de Raquel Relvas Neto, conclui que ainda há muito por fazer nesta área, tanto em Portugal como em Lisboa. Vítor Costa, director-geral da Associação de Turismo de Lisboa (ATL), admite que Lisboa “não é um destino predominantemente com essa motivação, mas é friendly, tem geralmente boas referências e há uma boa convivência com todos os turistas”.

Já Rui Silva, responsável pela agência de viagens Lisbon Beach dirigida a este target, considera que o Turismo de Portugal e a ATL têm que definir “uma estratégia clara de promoção de Lisboa no mercado LGBT”,  lamentando o facto do portal do Turismo de Lisboa “não disponibilizar ainda qualquer informação direccionada para o mercado LGBT”.  Uma situação oposta à que se vive, por exemplo, em Barcelona ou Madrid onde as autoridades locais têm noção do peso económico que este grupo tem para as receitas turísticas da cidade.

Segundo a Organização Mundial do Turismo (OMT), o segmento LGBT representa 10 por cento do fluxo anual de viajantes e 15 por cento da facturação das empresas do sector turístico. Sendo que a capital portuguesa recebe cerca de quatro milhões de turistas por ano, a estimativa é que 400 mil desses visitantes sejam turistas LGBT.

5 comentários

Comentar