Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Inédito: Um casamento e um beijo entre pessoas do mesmo sexo no fim de uma novela portuguesa

A telenovela da SIC “Dancin’ Days”, líder de audiências, está prestes a terminar. O remake português da novela de Gilberto Braga causou sensação no Brasil entre 1978 e 1979. Com a proximidade do final, algumas histórias vão sendo encerradas. E como não poderia deixar de ser haverá casamentos. Um deles é o casamento entre Aníbal (Vítor Norte) e Germano (Paulo Pinto), será o primeiro casamento entre pessoas do mesmo sexo numa telenovela portuguesa.

O ano passado estava previsto que Aníbal abandonasse a história, tal como aconteceu na versão original, mas o autor da versão lusa, Pedro Lopes, considerou que a personagem teria potencial para evoluir. Vítor Norte e Paulo Pinto aceitaram o desafio de bom grado e preparam-se assim para protagonizarem um momento inédito na televisão portuguesa. E tal como em todo o casamento que se preze haverá o beijo que oficializa a relação e homenageia o amor entre as duas pessoas que se unem.

Já no passado a SIC foi vanguardista ao mostrar em horário nobre a vida em comum de um casal lésbico na telenovela “Podia Acabar o Mundo”, interpretado por Diana Chaves e Ana Guiomar, que trocavam carícias e beijos. Em 2010 tinha sido na série juvenil “Lua Vermelha” as actrizes Joana Oliveira e Inês Aires Pereira trocaram um beijo quando a personagem de Inês declara o seu amor a Joana. No ano passado foi a vez de Cláudia Vieira e Sandra Barata Belo se beijarem em Rosa Fogo.

Na próxima novela, "Sol de Inverno" (anteriormente com o nome previsto de "Ambição"), e que substituirá “Dancin’ Days”, a SIC prepara-se para voltar a arriscar. Ângelo Rodrigues e Rui Neto preparam-se para interpretar um casal que tentará adoptar uma criança. Com a votação final da lei da co-adopção (já aprovada na generalidade pelo Parlamento em Maio), marcada para o início deste mês de Setembro, esta matéria volta a estar na ordem do dia.

Na nova série juvenil, “I Love It”, a TVI volta a ter um personagem homossexual numa das suas tramas, Pedro Caeiro interpretará Mário, “um homossexual assumido, bem resolvido e sem preconceitos”. Esperemos que esta personagem não tenha o mesmo destino de outros nas produções do quarto canal e seja privado de mostrar e demonstrar sentimentos.

 

Luís Veríssimo

 

Já segues o dezanove no Facebook?

 

3 comentários

Comentar