Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Co-adopção é candidata a Palavra do Ano em Portugal

A Porto Editora anunciou as 10 palavras que estão em votação online como candidatas a Palavra do Ano. Co-adopção, grandolada, irrevogável, inconstitucional e swap são algumas das palavras que constam da lista. Nas edições anteriores, as palavras vencedoras foram "Entroikado" (2012), "Austeridade" (2011), "Vuvuzela" (2010) e "Esmiuçar" (2009). A palavra do ano será conhecida a 3 de Janeiro.

Fica a par das justificações das palavras candidatas:

Bombeiro – Neste Verão, os bombeiros portugueses demonstraram uma enorme coragem no combate aos violentos incêndios que destruíram florestas e roubaram vidas;

Co-adopção – O projecto-lei que possibilita a co-adopção por casais do mesmo sexo, apesar de adiado, tem sido alvo de discussão há vários meses.

Corrida – As corridas entraram na rotina de cada vez mais portugueses, que participam em número crescente nas muitas provas que são organizadas por todo o país.

Grandolada – A grandolada surgiu como uma acção de protesto contra a austeridade e o governo e afirmou-se como tal pela sua originalidade.

Inconstitucional – Os sucessivos chumbos do Tribunal Constitucional a várias medidas apresentadas pelo governo em funções incrementou a frequência do uso desta palavra.

Irrevogável – Foi desta forma que um ministro definiu a sua demissão que, no entanto, não se concretizou.

Papa – É eleito o primeiro Papa latino-americano da história da Igreja católica Romana, o papa Francisco, cujos primeiros meses de papado têm surpreendido.

Piropo – Deve o piropo ser considerado como assédio verbal? Este foi um tema debatido por vários sectores da sociedade. 

Pós-troika – Com o fim do programa de intervenção previsto para meados de 2014, a grande preocupação da generalidade dos portugueses é o que se passará a seguir.

Swap – Apesar de ser uma palavra estrangeira e da sua especificidade, o vocábulo entrou nas conversas dos portugueses em virtude das notícias sobre esse tipo de contratos.

 

Tudo o que o dezanove.pt já escreveu sobre co-adopção