Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

A realidade das famílias com pais gays e mães lésbicas nas ruas de Lisboa

As imagens do quotidiano de oito famílias com pais gays e mães lésbicas vão ocupar até 14 de Janeiro os mupis da Câmara Municipal de Lisboa e os ecrãs da Associação de Turismo de Lisboa. 

 

Trata-se de mais uma etapa do projecto “Famílias, aqui”, da responsabilidade da fotógrafa Ana Nunes da Silva e da jornalista Ana Clotilde Correia, que começou em 2011 e que conta com o apoio da ILGA Portugal.

O projecto pretende relembrar que, em Portugal, embora os casais do mesmo sexo tenham acesso à união de facto desde 2001 e ao casamento desde 2010, não existe qualquer reconhecimento da parentalidade exercida por casais de pessoas do mesmo sexo. “Numa altura em que a Assembleia da República discute um projecto obviamente não sério e meramente dilatório para a realização de um referendo, adiando uma vez mais a votação final do projecto de lei sobre a co-adoção, Lisboa é a cidade aberta que expõe a diversidade das famílias ainda amputadas nos seus direitos”, afirma em nota de imprensa Paulo Côrte-Real, presidente da ILGA Portugal. “Estas famílias, como tantas outras que não mostramos, são feitas de exemplos de coragem, de determinação, de apoio e de amor. Não temos dúvidas da força destes laços familiares, os mesmos que o Estado não reconhece”, acrescenta Ana Clotilde Correia. “A fragilidade legal em que se encontram é a sombra comum que paira sobre estas famílias”, completa Ana Nunes da Silva.