Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Os Guerreiros de Esparta estão de volta. O Porto já tem uma equipa gay de rugby

 

“A ideia surgiu com o nascimento da equipa de Lisboa, os Dark Horses, onde temos vários amigos”, comenta ao dezanove Fernando, de 30 anos, um dos membros dos Oporto Spartans, a nova equipa gay de rubgy do Porto. 

A escolha do nome da equipa resultou de um brainstorming entre vários membros do grupo, que queriam o nome que transmitisse a força de vencer, mesmo em menor número do que os adversários. “Por isso lembramo-nos dos Guerreiros de Esparta. A simbologia foi a votos no nosso fórum e foi logo acolhida por todos”, refere Fernando, que começou a organizar este grupo há pouco menos de cinco meses. Desde então, esta equipa composta por cerca de 15 homens tem treinado em alguns parques da cidade Invicta duas vezes por semana. “Não limitados ninguém à orientação sexual, todos que gostem de desporto são bem-vindos. O nosso objectivo é permitir a todos que gostem de desporto colectivo essa possibilidade, sem que sejam apontados, discriminados ou lhes estejam sempre a perguntar pela namorada”, adianta. O Oporto Spartans tem uma página na internet e um grupo no Facebook. A próxima meta está definida: “Daqui a um ano pretendemos participar na Union Cup, o torneio de rugby gay de Amesterdão.”

5 comentários

Comentar