Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Vem aí o festival "despido de preconceitos"

Chama-se Lisbon Unplugged, vai decorrer de 10 e 11 de Setembro na Tapada da Ajuda em Lisboa, e pretende ser mais do que um festival que se foca só na música. Vanessa Cotrim, da produtora Entre Vírgulas, responsável pelo projecto e pelas festas Lesboa que decorrem na capital, explicou hoje em conferência de imprensa que este será um "festival dedicado à diversidade", sendo dirigido a todos que se "queiram desligar de preconceitos durante dois dias". Segundo a porta-voz “são esperadas entre 10 a 15 mil pessoas” naquele que poderá ser "o mini-Woodstock português". Outra novidade é que os participantes poderão acampar na Tapada da Ajuda.


Nomes da cena musical nacional e internacional como Jay-Jay Johanson, The Veils, David Fonseca e Rita Redshoes estão já confirmados. Vanessa Cotrim sublinhou ainda a importância da vertente sustentável deste festival que também alerta para uma consciência na redução de lixo. Uma das várias acções será a "salvo o copo" que se traduz em cada participante conservar um único copo durante o Lisbon Unplugged. A vertente artística está a cargo de Luís Castro, da associação cultural Karnart, que afirmou que neste evento serão dadas oportunidades a "artistas jovens ou que costumam estar fora dos circuitos habituais".


O Lisbon Unplugged conta com o patrocínio da Beck’s, Lufthansa Italia e Mybrand e do Turismo de Lisboa e da EGEAC como patrocinadores institucionais. Os bilhetes estão à venda nos CTT e no local do evento. Um dia no recinto custa 25 euros, o passe para os dois dias custa 40 euros.




Cartaz, horários e entrada


O festival arranca na sexta-feira, 10 de Outubro, com abertura de portas às 16h. Os concertos, no Palco da Diversidade, começam a partir das 17h, com Berlam e Banda Larga, Lula Pena, Torino, Jay-Jay Johanson e, a fechar, Rita Redshoes. Segue-se, a partir da 1h30, a Matinée World Tour, do grupo espanhol Matinée, com os DJs G-Martin e Romullo Azaro e animação a cargo dos Matinée Dancers. No Sábado, 11 de Outubro, as portas abrem às 10h, com várias actividades, a cargo do Povo da Floresta. Os concertos, no Palco da Diversidade, começam a partir das 17h, com Sinamantes, Betty, Au Revoir Simone, Nikolaj Grandjean, David Fonseca e, a fechar, The Veils. Segue-se, a partir da 1h30, a Matinée World Tour, do grupo espanhol Matinée, com os DJs Enrico Arghentini e Tânia Pascoal e animação a cargo dos Matinée Dancers.


A entrada para o festival localiza-se na Estrada do Alvito, entre o Clube de Ténis do Monsanto e o Bairro do Alvito.

2 comentários

Comentar