Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Activistas em todo o mundo com os olhos postos na Rússia

Com uma hora de diferença de Lisboa, em Amesterdão centenas de pessoas estiveram presentes numa vigília de solidariedade para com a população LGBT na Rússia.

Junto ao HomoMonument, símbolo da capital holandesa que presta a homenagem a todos que foram vítimas do preconceito com base na sua orientação sexual e identidade de género, activistas reuniram-se com cartazes, velas e no final acederam com uma tocha um coração olímpico.

No local dos protestos um edifício tinha em todas as janelas uma mensagem da Amnistia Internacional: “Nós apoiamos a vossa luta pelos Direitos Humanos na Rússia”.

Amesterdão não esteve sozinha nesta sexta-feira, Estocolmo, Tessalónica, e Otava no Canadá também realizaram protestos semelhantes. Dois dias antes, eventos em 21 cidades pretenderam pressionar os patrocinadores dos Jogos Olímpicos, como o Mc Donalds ou a Coca-Cola, a usar o seu poder económico para acabar com as leis discriminatórias.

Com poucas horas de diferença dos protestos de Lisboa, na Rússia, activistas de defesa dos Direitos Humanos estavam a ser detidos em plena Praça Vermelha.

 

Álbum de fotos do protesto em Amesterdão aqui.

Fotos de José Morgado

 

1 comentário

Comentar