Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

As minhas questões sobre HPV e VIH

casal-gay-serodiscordante-hiv-hpv.jpg

Depois de uma primeira questão [Eu tenho HPV e o meu namorado VIH. O que é que podemos e o que é que não podemos fazer no sexo?], um dos nossos leitores continuou com dúvidas e resolveu escrever-nos de volta com mais perguntas. Hoje é dia de as ficar a conhecer no nosso consultório #AskOurNurse. 

 

Questão:

Boa tarde,
Agradeço a resposta. Tê-la-ei em consideração.
Ainda sobre o HPV, será que vale a pena o meu namorado receber a vacina do HPV? Eu tenho apenas duas das estirpes para as quais existe a vacina. Será que se ele for vacinado contra o HPV deixarei de o pôr em risco? Será que a vacina funciona numa pessoa com VIH?
Mais uma questão. Na consulta de IST disseram-me que o HPV tão facilmente entra como sai do sistema, algo como uma constipação. Se eventualmente eu já não tiver HPV, significa isto que só o apanharei de volta (e que os condilomas só voltarão, e a possibilidade de cancro também) se estiver em contacto com outra pessoa infectada?
O que é que eu posso fazer para acompanhar o meu estado de saúde (no que diz respeito ao HPV)?
Peço desculpa pelo incómodo.
Se for mais apropriado dirigir-me a outra pessoa/entidade diga-me por favor.
Cumprimentos,
(leitor prefere não ser identificado)

 

dezanove_carlosgustavomartins.jpg

Resposta:

Olá leitor,

Ainda bem que permanecem dúvidas e que se sente confortável para nos questionar acerca delas. Significa que quer esclarecer este assunto o melhor possível, a bem da sua saúde e da do deu parceiro.

Algumas das perguntas que me coloca não podem ter respostas 100% exactas, até porque falamos do corpo humano onde por vezes o que existe são variáveis, probabilidades ou margens de erro. No entanto, vou tentar esclarecê-lo da melhor forma possível. 

"(...)será que vale a pena o meu namorado receber a vacina do HPV?" - A essa questão ninguém melhor do que o seu médico de família ou enfermeiro de família para responder... por uma simples razão: São eles que o conhecem melhor do que ninguém, conhecem o seu historial clínico e os riscos que possa ou não correr. Poderia dizer-lhe que vale a pena, mas ponderando todos os factores o seu médico pode achar o oposto. O que não quer dizer que não seja adequado noutras situações.

"Será que se ele for vacinado contra o HPV deixarei de o pôr em risco?" - Permita-me a pergunta: a informação que tem apenas duas estirpes de HPV é fidedigna? Se sim, assumindo que não tem absolutamente mais nenhuma, então pela lógica, não poderá passar a ninguém algo que você não tem. Mas repito, se tiver a certeza absoluta. Relembro que existem cerca de 200 tipos de HPV identificados.

"Será que a vacina funciona numa pessoa com VIH?" -  Eu sei que me repito, mas o seu médico saberá melhor do que eu, acima de tudo porque o conhece melhor do que eu e sabe o seu estado imunológico (ou da pessoa portadora). A indicação será sempre mais adequada nestas circunstâncias. Na generalidade podemos afirmar que sim, que funciona desde que o sistema imunitário esteja competente.

"(...) significa isto que só o apanharei de volta (e que os condilomas só voltarão, e a possibilidade de cancro também) se estiver em contacto com outra pessoa infectada?" - Se actualmente não tem HPV no seu organismo, sim , apenas o contacto com nova pessoa infectada é que poderá transmitir-lhe HPV ou outra infecção sexualmente transmissível (IST), que como o nome indica, seja efectuada por via sexual. E a melhor forma de estar ciente disto são efectivamente análises de rotina, mas acima de tudo protecção.

Aproveito para lhe deixar este link: http://www.cdc.gov/vaccines/adults/rec-vac/health-conditions/hiv.html ) onde poderá ler acerca das vacinas disponíveis para cada doença perante um compromisso imunológico.

Espero ter podido ajudar e, como sempre, estou disponível deste lado do teclado.

 

Um abraço forte (aos dois),

Enfº Carlos Gustavo Martins

Licenciado em Enfermagem exerce funções no Serviço de Urgência de um Hospital Central. É enfermeiro de viatura médica de emergência e reanimação e do helicóptero de emergência de Lisboa. Colabora com o dezanove.pt desde Março de 2011.

 

Fontes:

http://www.portaldasaude.pt/portal/conteudos/informacoes+uteis/vacinacao/virus+vacina.htm

http://www.portaldasaude.pt/portal/conteudos/enciclopedia+da+saude/harvard/Vacinas/vacina+hpv+rapazes.htm

http://www.webmd.com/vaccines/features/hpv-cervical-cancer-vaccine-15-facts?page=1

http://hivinsite.ucsf.edu/InSite?page=kb-03-01-08#S4.9X

http://www.cdc.gov/vaccines/adults/rec-vac/health-conditions/hiv.html

 

 

Durante algumas semanas estamos disponíveis para receber as tuas questões e dúvidas. A tua identidade será, se assim preferires, salvaguardada. Sempre que existirem, as perguntas seleccionadas serão respondidas no espaço de crónica do nosso Enfermeiro aos Domingos aqui no dezanove.pt.

Envia a tua pergunta, dúvida ou tema para dezanovept@gmail.com

Queremos ajudar a esclarecer sobre questões de saúde. Ajuda-nos também a ajudar!