Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Cantora Patrícia Ribeiro detida acusada de extorsão

Patricia Ribeiro.jpg

A cantora Patrícia Ribeiro está detida na cadeia de Tires acusada de ter extorquido 400 mil euros a um empresário a quem ameaçou com a divulgação de fotos íntimas. Os actos ilícitos terão sido cometidos em conjunto com o namorado da cantora. O caso é revelado na última edição da revista Sábado.

 

A cantora iniciou a carreira na popular banda juvenil da década de 90 "Onda Choc" e foi uma das primeiras figuras públicas portuguesas a se submeter a uma cirurgia de reatribuição sexual em 2008. Depois disso foi presença assídua em programas de televisão em Portugal e no Brasil para apresentar os seus trabalhos musicais e falar da sua história de vida.

Considerada a primeira cantora transexual portuguesa, Patrícia Ribeiro está detida há quase um ano depois de uma investigação do Ministério Público de Lisboa. A cantora terá ameçado um empresário durante meses com a divulgação de fotos de práticas BDSM (bondage, dominação, sadismo e masoquismo). Nas fotos a vítima estaria em poses de submissão, despido ou vestido apenas com roupa interior e acessórios de vestuário feminino. 

Em 2014 a cantora publicou a autobiografia "Ontem Homem, Hoje Mulher" onde aborda a sua luta pelo reconhecimento formal da sua identidade. Lançou ainda dois CD onde encontramos hits como "Sey Beat" ou "Põe-me KO"

Há cerca de um ano Patrícia Ribeiro foi pedida em casamento pelo namorado em directo no programa "Grande Tarde" da SIC. Recorda esse momento aqui a partir do minuto 17.