Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Continua o desconhecimento sobre saúde sexual – incluindo entre profissionais de saúde

luis v.jpg

 

“Há uma falha grave na educação sexual, não abordando a questão do VIH/SIDA com a profundidade necessária. Continuam a circular estereótipos errados acerca da doença e da sua transmissão do VIH”, partilhou Luís Veríssimo, técnico do centro comunitário CheckpointLX durante o encontro “dezanove ao vivo”, que decorreu no Centro LGBT.

 

Foram partilhados durante o encontro exemplos de desconhecimento relativo a questões de saúde, onde não faltou a referência ao caso revelado pelo dezanove, o de uma médica do Hospital de São João que recusou a aplicação de uma profilaxia pós-exposição (PPE).

A diferença entre PPE e a PrEP foi outro dos temas levantados pelos participantes. “A PPE é um tratamento com medicamentos anti-retrovíricos que é iniciado imediatamente após a exposição ao VIH. O objectivo é evitar que o VIH consiga entrar no sistema imunitário da pessoa, instalar-se e reproduzir-se. Consiste na toma, durante um período de um mês, de uma combinação de medicamentos anti retrovíricos iguais aos prescritos para as pessoas que vivem com o VIH”, esclareceu Luís Veríssimo. Já a PrEP significa profilaxia pré-exposição e corresponde a um comprimido tomado todos os dias. Se não houver falhas, a hipótese de contrair o VIH é praticamente zero. A Direcção-Geral de Saúde já publicou a norma que regulamenta a PrEP, devendo ser implementada no curto prazo.

Luís Veríssimo, que é colaborador do dezanove, referiu-se ainda à participação neste projecto de informação. “Nos dias que correm os meios de comunicação social e as redes sociais também são um meio privilegiado de influência. O dezanove como meio de comunicação de pequena dimensão consegue chegar a públicos-alvo mais específicos mesmo que estes estejam em meios também mais pequenos como se de um amigo virtual se tratasse”, disse, acrescentando que “sendo o dezanove um órgão de comunicação social dedicado as questões LGBTI chegam-nos vários pedidos de ajuda ou queixas sobre casos de LGBTIfobia. Muitos desses casos apesar da gravidade não chegam aos outros órgãos de comunicação social”.

 

Fotoreportagem do "dezanove ao vivo aqui. Fotos de Luís Campos da Costa