Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

O mais importante representante da ONU defende população LGBT russa (vídeo)

Ban Ki Moon, o secretário-geral das Nações Unidas, insurgiu-se esta quinta-feira contra a discriminação das lésbicas, homossexuais, bissexuais e transexuais na Rússia.

“Devemos levantar a voz contra os ataques a homossexuais, lésbicas, bissexuais, transexuais ou intersexuais. Temos de nos opor à prisão, detenção e restrições discriminatórias que estas pessoas enfrentam”, declarou o responsável.

"Todos nascem livres e iguais independentemente da orientação sexual", frisou Ban Ki Moon.

Ban Ki Moon discursou em Sochi para o Comité Olímpico Internacional, na véspera do arranque dos Jogos Olímpicos de Inverno.

A legislação existente na Rússia restringe a liberdade das pessoas LGBT, tem gerado inúmeros incidentes sobretudo junto da juventude LGBT e tem motivado acções de protesto e de solidariedade em várias partes do mundo. Lisboa também se soma esta sexta-feira a um protesto.

 

 

1 comentário

Comentar