Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

O que diz Conchita depois de um ano inexplicável? 

conchita.jpg

“Nem sei bem explicar. Continuo surpreendida. Não tenho explicação.” Num ano, Conchita Wurst passou de mera concorrente a rainha da Eurovisão, depois de ter ganho a competição do ano passado.

Num encontro com a imprensa em Viena, durante a Eurovisão, a artista assegurou que continua a ser a mesma pessoa de sempre. Entretanto lançou um livro, publicado em seis línguas, sobre si. “Tenho apenas 26 anos e é muito cedo para publicar as minhas memórias. Os livros que costumo comprar, têm de ter muitas fotos . Também fiz isso  com o meu livro para que as pessoas comprassem”, disse.

O seu novo álbum está já à venda e a Sony Music aproveitou o momento para entregar o primeiro disco de platina. “Estou sem palavras e não é habitual. Muito obrigada aos meus fãs. É inacreditável. A minha vida mudou de todas as formas possíveis. Estou a viver o meu sonho e estou muito grata por isso”, disse Conchita durante a conferência de imprensa. A questão dos direitos LGBT também não ficou de fora.

“Algumas coisas na sociedade deixam-me chateada e revoltada. Através de uma câmara tento sensibilizar as pessoas com mais influência do que eu para mudar as coisas”, referiu. Conchita tinha já antes enviado uma mensagem a Vladimir Putin para se encontrarem, mas continua à espera da resposta.

 

Paulo Monteiro, em Viena