Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

“Pedro”, o filme português que chegou ao festival Sundance (com vídeo)

pedro.jpg

 

A curta-metragem portuguesa “Pedro”, realizada pela dupla André Santos e Marco Leão, integra a competição internacional do festival de cinema independente Sundance, nos Estados Unidos. A revista norte-americana Advocate seleccionou “Pedro” como um dos filmes LGBT do festival. 

 

“Pedro” estreou em Julho passado no festival Curtas Vila do Conde, tendo depois passado pelo festival Queer Lisboa e por vários certames internacionais. Com a duração de vinte minutos, o filme relata a história de um filho (Filipe Abreu) e da sua mãe (Rita Durão), entre uma ida à praia, um engate dele e um encontro dela.
André Santos e Marco Leão trabalham juntos desde 2008, tendo então realizado “A nossa necessidade de consolo”. Depois vieram os filmes “Cavalos Selvagens” (2010), “Infinito” (2011), “Má Raça” (2013) e “Aula de condução” (2015).
O festival de Sundance, que termina a 29 de Janeiro, foi fundado pelo actor Robert Redford e afirma-se como uma das principais plataformas de divulgação de novos realizadores e produções independentes.

 

´

 

Publicidade: 

 

2 comentários

Comentar