Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Presidente de equipa de futebol gay agredido em Paris

violência gay em Paris.jpg

Três jovens agrediram o presidente da equipa de futebol gay parisiense, Paris Foot Gay, e o seu marido, após estes lhes terem recusado um cigarro durante a madrugada do passado Domingo.

Agredido com uma antena de carro, Julien Pontes conta que estava na rua com o marido quase a chegar a casa, por volta da 1 da manhã, quando três jovens os abordaram para pedir um cigarro. Julien terá recusado e foi agredido de imediato. O presidente da equipa de futebol explica ainda que os agressores terminaram com insultos homofóbicos e desapareceram. Os agredidos apresentaram de imediato queixa à polícia, que os enviou para as urgências ao ver o estado do seu rosto, como mostram as imagens publicadas no Facebook do clube de Futebol.

Esta agressão não é um caso isolado. Vários desportistas homossexuais foram agredidos desde o início do ano em França, como Mélanie Hennique, nadadora francesa agredida no início de Júlio em Amiens, no norte de Paris, por ser lésbica. Várias personalidades e políticos apoiaram Julien através do Twitter, lembrando que ainda é preciso lutar contra a discriminação e a intolerância.

 

 Jean-Baptiste Ramos

 

1 comentário

Comentar