Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

2017: Dez filmes e uma surpresa

 

pjimage (69).jpg

Eis que chegámos àquela altura de se fazer o balanço dos filmes LGBTI do ano de 2017. Os festivais de cinema continuaram a ser a melhor forma de ver algumas películas. O interior do país continuou a ser esquecido quando algum filme desta temática estreia em sala. Como sempre, a escolha foi difícil, mas chegou-se aos 10 filmes que marcaram o ano, com um twist no final. Os filmes foram listados por ordem alfabética.

 

Os melhores de 2017 (e algumas desilusões)

 

PREMIOS DEZANOVE 2017.png

Pelo oitavo ano consecutivo voltamos a premiar os melhores, mas também não nos esquecemos dos piores do ano. Distinguimos as personalidades e acontecimentos que marcaram o panorama LGBTI ao longo de 2017, depois de termos analisado mais de 400 artigos escritos nos últimos 12 meses.  

Fica a conhecer os vencedores dos prémios LGBTI mais completos do país:

 

As madrugadas de Al Berto

 

Al-Berto3.jpg

 

 

“Al Berto” (2017), de Vicente Alves do Ó, estreou a 5 de Outubro. Desde o dia da sua estreia o mais recente filme do realizador alentejano não tem sido consensual. Segue-se a crítica do dezanove.

 

 

 

 

"Diários" de Al Berto chega às livrarias

«Decidimos agora, de acordo com a vontade dos herdeiros legais e, ao mesmo tempo, fazendo eco do desejo de Al Berto, tornar públicos estes documentos privados. Nestes "Diários" sobressai o registo diário de algo que servia para um uso pessoal e íntimo. Estamos perante um corpus que se expõe a si mesmo, que se dá no ritmo efervescente da criação mas também na sua fragilidade, na dúvida.»