Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

A Primeira Pedra: Eu, Padre Gay, e a minha revolta contra a hipocrisia da Igreja

A primeira pedra - planeta - Krzysztof Charamsa.jp

4.jpeg

 

 

 

Depois de ter sido notícia devido ao seu coming out no Vaticano, em Outubro de 2015, um ano depois o Padre Charamsa lançava o livro em que conta o seu percurso de vida, que o trouxe a Portugal no final do ano passado.O dezanove leu A Primeira Pedra e deixa aqui algumas notas aos leitores.

James Lee Hard: "Todos gostam de uma história em que ao protagonista é dada uma segunda oportunidade"

JAMES LEE HARD DAVID_UNDONE.jpg

É português, mas escreve exclusivamente em inglês. James Lee Hard é o pseudónimo escolhido para publicar romances gay de um português que olha a língua inglesa como forma de chegar a mais leitores. Com um novo conto acabado de estrear, “David Undone - Mending a Broken Heart”, James vira-se para o seu país de origem como cenário para uma história sobre redenção e autodescoberta.

James Lee Hard fala com o dezanove sobre o seu percurso literário, dos temas que gosta de abordar e desvenda ainda um pouco do porquê de um pseudónimo. Tudo em português.

 

 

Maria Venes: "No vosso livro ninguém vos vai dizer o que podem ou não dizer ou fazer"

Desejo Incontrolável livro Maria Venes.jpg

“Desejo Incontrolável” é o título do primeiro livro de Maria Venes, uma estreia no mundo literário com um romance LGBT escrito em português. Com um ponto de partida inspirado numa experiência pessoal, a autora conta-nos a história de Maria, uma aluna Erasmus que vai estudar para a Holanda. Sem entrarmos em “spoilers”, o resto é ficção numa narrativa que fala de desamores mas essencialmente de amor. Sentámo-nos com Maria Venes para conhecermos um pouco mais do seu universo literário.

Frederico Lourenço: “As grandes religiões mundiais são homofóbicas”

 frederico.jpg

Já tinha traduzido “Odisseia” e “Ilíada” e está agora na ribalta depois de publicar a tradução do original em grego para português dos quatro evangelhos do Novo Testamento. Seguir-se-ão mais cinco livros com as restantes escrituras do Novo e Velho Testamentos. O professor universitário Frederico Lourenço falou com o dezanove sobre o processo de tradução e a sua relação com Deus, o cristianismo e o judaísmo.

Uma dúzia de livros infantis com todas as cores do arco-íris

livros infantis LGBT.jpg

Fizemos esta lista onde constam alguns dos livros LGBT disponíveis em Portugal. É cada vez mais importante educar as nossas crianças para a igualdade e estes livros são exemplos inspiradores de como a temática arco-íris pode, e deve, ser contada e explicada aos mais pequenos. Boas leituras! 

 

Filipe Branco: “A minha história termina bem e é essa mensagem positiva que quero passar” (com excerto do livro "Deixa-me ser")

 Filipe Branco escritor livro Deixa-me Ser.jpg

O jovem escritor Filipe Branco está prestes a publicar o seu segundo livro. “Deixa-me ser” conta toda a “complicada história” do seu coming out, mas este livro autobiográfico será também uma oportunidade de reflexão sobre questões LGBTI. O dezanove.pt falou com o escritor e dá-te a conhecer um excerto do livro que chegará em Outubro às bancas online e fisicamente. Para já estão previstas apresentações públicas do livro em Lisboa, Leiria, Covilhã e Porto. 

86.ª Feira do Livro: há livros LGBT no Parque

IMG_9229.JPG

Nesta 86.ª edição da Feira do Livro de Lisboa, o dezanove decidiu ir, por duas vezes, à procura de livros LGBT. A tarefa não fica nada fácil se não tivermos já os títulos e nomes dos autores em mente, afinal estes livros não abundam. Clássicos como “O Retrato de Dorian Grey”, de Oscar Wilde, e tornados clássicos como “The Perks of Being a Walflower”, de Stephen Chbosky, encontram-se tão facilmente como as ervas daninhas nos Jardins do Parque Eduardo VII. Os outros, só mesmo com um olhar mais atento, de quem é dono de todas as horas do dia. Quanto aos preços, convenhamos que uns eram mais de feira do que outros. Para facilitar a vida e as buscas deixamo-vos com as informações de alguns dos nossos achados.

Seriam Marlon Brando e James Dean amantes?

Marlon Brando e James Dean.jpg

Segundo o diário britânico Daily Mail Marlon Brando e James Dean foram amantes. Mas a revelação vai mais longe e faz saber que o relacionamento de ambos, não era nada mais, nada menos do que uma relação complexa de amor que se transformou em relações sexuais sadomasoquistas.