Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Novo site e tertúlias marcam a celebração do 14º aniversário da associação não te prives

Não te prives.jpg

A não te prives – Grupo de Defesa dos Direitos Sexuais (NTP) está a celebrar este ano o seu décimo quarto aniversário. A efeméride vai ser assinalada com um programa que se inicia a 14 de Fevereiro, data oficial da criação da associação, e estende-se até ao Dia Internacional da Mulher (8 de Março).

 

Movimento LGBT começa a posicionar-se em alegados casos de violência doméstica que envolvem activistas

Marcha LGBT do Porto em 2011 - foto de Horta do Rosário

Um caso bicudo, este, para os movimentos LGBT portugueses e para o micro-universo activista do País: uma activista com prominência no meio acusada por duas ex-namoradas de violência física e psicológica está a obrigar as organizações a tomar decisões: remover a pessoa em questão do meio activista sem apelo nem agravo ou guardar o silêncio até que a justiça se pronuncie, mantendo-a “em funções” apesar das acusações que lhe são imputadas?

“Vidas de A a Z: Um êxito de bilheteira!” em vários pontos do país

A peça inaugural de uma nova companhia de teatro é sempre um momento revelador. “Vidas de A a Z” estreia no próximo dia 6 de Junho, sexta-feira, com duas sessões (às 16h e às 21h) no Anfiteatro 1 da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e tem autoria e direcção de Mónica Gomes e Sílvia Raposo.

 

 

Associação não te prives reforça visibilidade da não heteronormatividade

Comemorou na passada sexta-feira 12 anos de existência e aproveitou a efeméride para mais uma acção pela visibilidade não heteronormativa nas ruas de Coimbra. A associação de defesa dos direitos sexuais assinalou o 12º aniversário com uma nova campanha de cartazes onde se podem ver beijos entre jovens.

 

Geografias da Sexualidade? Esta conferência explica-te tudo

De 5 a 7 de Setembro duas centenas de trabalhos serão apresentados na segunda edição da Conferência Europeia de Geografias das Sexualidades, que se realiza na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.

A conferência debaterá inúmeros temas relacionados com sexualidades, género, espaços e territórios. Assim inúmeros temas LGBT, mas também sobre heterossexualidades e trabalho sexual serão debatidos durante três dias. Além de sessões plenárias com seis conferencistas convidados – entre eles a socióloga Ana Cristina Santos -, haverá 36 sessões paralelas, um momento de lançamento de livros, e um debate plenário sobre as relações entre academia e activismo.

Por que querem os grupos LGBT mandar lixar a Troika?

No próximo Sábado, 2 de Março, sai à rua mais uma manifestação de protesto contra as medidas de austeridade originadas pelo memorando de entendimento com a Troika. Em várias cidades do país os manifestantes responderão com a sua presença nesta acção de protesto.

Meio milhar na Marcha de Coimbra

Houve samba e gaitas de foles, enquanto meio milhar de pessoas participaram na terceira Marcha de Luta Contra a Bifobia, Homofobia, Intersexofobia, Lesbofobia, Polifobia e Transfobia, que percorreu ontem as ruas de Coimbra ao fim da tarde. A concentração decorreu nos jardins do Mosteiro de Santa Clara-a-Velha, cruzou a Baixa e terminou na Praça da República perto das 20h. Os manifestantes eram, na maioria, estudantes da Universidade de Coimbra, incluindo muitos estrangeiros.

 

Activistas protestam frente ao Coliseu dos Recreios contra concerto de Sizzla

Três dezenas de pessoas reuniram-se ao fim da tarde de quinta-feira em frente do Coliseu dos Recreios, em Lisboa. O motivo do protesto foi o mesmo que 24 horas antes tinha reunido o mesmo grupo de pessoas que se insurge contra a actuação do rapper Sizzla Kalonji esta noite em Lisboa. O pouco tempo para a acção e as ameaças de chuva não desmobilizaram aqueles que se consideram indignados pela presença do cantor na sala de espectáculos lisboeta.

Coimbra celebra décimo aniversário da associação não te prives

A associação não te prives – Grupo de Defesa dos Direitos Sexuais, sediada em Coimbra, comemora dez anos de existência a 14 de Fevereiro. A data é vincadamente assinalada como “Dia dos Namorados e das Namoradas”, porque há 10 anos “era urgente combater a invisibilidade destas temáticas”.

PATH organiza festas “fora do armário” em Coimbra

 

Todas as terceiras terças-feiras de cada mês a Plataforma Anti-Transfobia e Homofobia (PATH) vai organizar festas temáticas para dar visibilidade às iniciativas das associações que compõem esta plataforma, bem como angariar fundos para Marcha de Luta contra a Homofobia e a Transfobia, que decorrerá pela terceira vez, em Maio de 2012, em Coimbra. Entre os objectivos definidos pela PATH está a aquisição de um bandeirão do arco-íris a usar na marcha de 17 de Maio, Dia Internacional de Luta Contra a Homofobia e a Transfobia (IDAHO).

 

 

 

Esqueçam os Homens da Luta. Conheçam as Mulheres de Megafone na Mão

“A ausência de mulheres visíveis no movimento LGBT alimenta-se mais de ideias preconcebidas do que de factos reais. Existem e sempre existiram muitas mulheres activas, participativas e visíveis no movimento.” A frase é de Eduarda Ferreira, defensora dos direitos das lésbicas e vem na sequência das muitas mulheres que participaram na Marcha do Orgulho deste Sábado em Lisboa. Não seria necessário mais, mas a prova veio no final da Marcha quando a maioria dos que subiram ao habitual camião dos discursos, este ano estacionado na  Praça da Figueira, não eram eles, mas sim elas.

Associação Não Te Prives comemora aniversário com campanha de sensibilização

Aproveitando a data do nono aniversário, a associação de defesa dos direitos sexuais Não Te Prives está a realizar durante todo o dia 14 de Fevereiro uma campanha de sensibilização. Vários cartazes serão hoje espalhados pela "Cidade dos Estudantes" naquele que também é designado pela associação de forma inclusiva como o “Dia D@s Namorad@s”, relembrando toda a população estudantil e de Coimbra, que o amor existe independentemente das diferentes orientações sexuais.

Retirar a transexualidade da lista de patologias (vídeo)

Lisboa juntou-se hoje, 23 de Outubro, a outras 30 cidades que em todo o mundo exigem a despatologização das identidades trans e a sua retirada dos manuais DSM (Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders) e ICD (International Classification of Diseases), que serão revistos em 2013 e 2014 respectivamente.

Os colectivos Panteras Rosa, UMAR, não te prives, Opus Gay, PolyPortugal, GAT Portugal e o Portugal Gay convocaram uma acção de rua este Sábado no Chiado que consistia em distribuir um panfleto com o manifesto no que se pode ler “uma lei geral sobre identidade de género, que não patologize as identidades trans e que permita lutar mais eficazmente contra todo o tipo de discriminações de que são alvo, por exemplo no emprego, na habitação, no acesso à saúde, é vital.” Os colectivos lembraram ainda os assassinatos transfóbicos de Gisberta, há quatro anos, no Porto, e de Luna, em Lisboa, dois anos depois.

Recorde-se que a 1 de Outubro foram aprovadas na Assembleia da República duas propostas (uma do Governo e outra do Bloco de Esquerda) de alteração da lei que regula o procedimento de mudança de sexo e nome próprio no registo civil. Destas propostas será apurada uma única, que no entanto, deixará de fora a questão da despatologização.

A 10 de Fevereiro, França foi o primeiro país do mundo a retirar a transexualidade da lista de patologias. Em Espanha o governo declarou que concorda com a despatologização do transgenderismo, mas ainda não mudou a lei.

Vídeo:  Stop Trans Pathologization.

 

Já segues o dezanove no Facebook?