Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Quando os pais morreram da doença fatal (com vídeo)

 

pai.jpg

 

Uma menina de sete anos que vai viver com os tios porque os pais morreram. Este é o ponto de partida do filme “Estiu, 1993” ("Verão, 2013"), que foi apresentado no Festival de Cinema de Málaga e que poderá inscrever-se na linha de produções como “Filadélfia”, “Dallas Buyers Club” ou “As Horas”.

 

“Indetectáveis”, as doenças sexualmente transmissíveis em curtas-metragens (com vídeos)

indetectables.jpg

Os dois primeiros capítulos de “Indetectáveis”, a primeira série espanhola de curtas-metragens que aborda a realidade das pessoas com doenças sexualmente transmissíveis, nomeadamente a HIV, foram apresentados no Festival Internacional de Cinema LGBT de Bilbau.

 

Dançar por uma causa - a proposta do CheckpointLX

DJ With a cause.jpg

É já no próximo dia 7 de Dezembro, quarta-feira, véspera de feriado, que acontece a quinta edição de “DJs With a Cause”, a festa anual de angariação de fundos do CheckpointLX. Este ano será o Teatro do Bairro, em Lisboa, a acolher a iniciativa. Actuarão o DJ Almada Guerra, a cantora Rita Redshoes e o actor Nuno Lopes.

Rita Redshoes: “Admiro causas, instituições ou grupos de apoio que lutem pela vida, dignidade e informação”

Rita Redshoes_1.jpg

Rita Redshoes já não é a menina de sapatos vermelhos lançada pela mão de David Fonseca. É agora uma mulher de voz vibrante e segura, que respira e canta a influências que a inspiraram. Em “Her”, nome do seu mais recente álbum, canta referências femininas. Rita concedeu-nos uma entrevista em que aborda o feminino, o apoio às causas LGBT e a PrEP.

 

 

VIH indetectável = VIH intransmissível

vih.jpg

O vírus da imunodeficiência humana ou VIH não se consegue multiplicar sozinho. O VIH usa as células de defesa do sistema imunitário, chamadas CD4, como uma fotocopiadora. As CD4 são destruídas no processo de fotocópia do VIH. Ao longo do tempo, o número de cópias de VIH aumenta e o número de CD4 reduz-se, deixando o sistema imunitário com uma resposta deficiente de defesa contra outras infecções – síndrome da imunodeficiência adquirida ou SIDA (1).

 

 

 

Nasceu o PrEP.pt, o site sobre profilaxia pré-exposição em português

prep.png

Acaba de ficar online o PrEP.pt, o novo site sobre profilaxia pré-exposição (PrEP) em português. Recorde-se que a Agência Europeia do Medicamento aprovou este Verão a PrEP, uma ferramenta que se tem revelado altamente eficaz na prevenção de novas infecções de VIH, nos países onde ela já existe. Em Portugal, a PrEP ainda não foi aprovada. No entanto, existem já muitos homens que fazem sexo com homens a fazer PrEP, comprando um genérico do medicamento de marca (Truvada) através da internet.

 

 

 

“Espero que as pessoas não tenham medo de sair do armário do VIH”

andrew.jpg

Andrew Goyvaerts, é o CEO da Positive Hugs (POZ), uma aplicação que nasceu no Reino Unido e que pretende ligar pessoas com VIH. Ao fim de seis meses de existência conseguiu cinco mil novos membros. Agora, em conversa com o dezanove a propósito da sua participação no Web Summit o responsável explica o objectivo desta app, que já antes tinha estado em destaque.

 

 

 

Estudo: Profissionais de saúde concordam com a PrEP em Portugal

PREP Portugal.jpg

Um estudo académico levado a cabo por Rui Baptista Gonçalves, estudante do Mestrado Integrado em Medicina da Universidade do Algarve demonstra que três em cada quatro profissionais de saúde que trabalham na área do VIH em Portugal concordam com a implementação da PrEP (Profilaxia Pré-Exposição) no nosso país.