Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Uma festa gay na maior procissão católica do Brasil (com vídeo)

chiquita.jpg

Depois de passar por Lisboa, Coimbra e Porto, a V Mostra de Cinema da Amazónia chega a Góis, com um conjunto de filmes que espelham a diversidade cultural da região amazónica – desde lendas e tradições, a fenómenos urbanos e religiosos.

Entre os documentários a serem exibidos destaque para "As filhas de Chiquita" (2006), de Priscilla Brasil, no dia 22 de Novembro, entre as 15h e as 17h, na sede da RaizVanguarda, a antiga Escola de Bordeiro, em Góis. O filme retrata os confrontos entre a comunidade gay e a comunidade católica durante a bicentenária procissão do Círio de Nazaré, no Brasil. O que acontece quando dois milhões de católicos e 40 mil gays ocupam o mesmo lugar no espaço? Há 28 anos, no segundo domingo de Outubro, a bicentenária procissão do Círio de Nazaré – a maior romaria católica do Brasil e uma das maiores do mundo – convive com a Festa da Chiquita, o mais tradicional encontro gay da Amazónia que, contra tudo e contra todos, ocorre no mesmo dia, na mesma hora e na mesma rua. De um lado estão os fervorosos católicos e do outro homossexuais. Em 2004, a Festa da Chiquita chegou a ser incluída no processo de candidatura do Círio a Património Imaterial da Humanidade, originando uma grande polémica: afinal, a Festa da Chiquita também faz parte do Círio?

A RaizVanguarda é uma associação cultural que resulta da vontade de querer fazer mais pela arte, tendo como ponto de partida o concelho de Góis, no distrito de Coimbra. O objectivo principal passa por apoiar a criação, a divulgação e a produção de objectos artísticos.

 

 

Luís Veríssimo