Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

O premiado filme "Weekend" abre Queer Lisboa 16 (com vídeo)

Para a abertura do Queer Lisboa 16 foi escolhido um dos filmes mais premiados do ano passado (17 prémios no total) e um dos mais bem recebidos pela crítica, "Weekend" (2011) de Andrew Haigh.
Quantos e quantas de nós não nos vimos já num momento de engate? Quantos e quantas de nós não nos perguntámos já o que acontece após o engate, haverá possibilidade? Quantos e quantas de nós não se sentiu tremendamente apaixonado e, mesmo assim, teve que continuar a sua vida?

Uma perspectiva portuguesa do Festival da Eurovisão 2012

No dia em que a Filipa Sousa se prepara para representar Portugal na segunda semifinal do Festival Eurovisão da Canção na cidade de Baku no Azerbaijão, está na altura de fazer um breve apanhado dos favoritos, pessoais e dos eurofãs para a edição 2012 do Festival.

 

"Três" a história de um casal às voltas com a bissexualidade (com vídeo)

Tom Tykwer é um realizador alemão que começou por ser conhecido pelo seu filme “Corre, Lola, Corre" ("Lola Rennt", 1998), tendo depois realizado dois filmes mais comerciais, “O Perfume - História de um Assassino” ("Perfume: The Story of a Murderer", 2006) e “The International – A Organização” (2009), além de uma das partes de “Paris je t’aime” (2006).

Mates, sexo aqui e agora... uma curta porno portuguesa

“Mates” (2011, curta-metragem de António da Silva) é um filme caseiro – que contém sexo explícito – acerca da experiência gay contemporânea. É um filme sobre a “vida real”, corpos anónimos que se encontram em sites, encontros espontâneos e rápidos entre estranhos, a pornografia, os sites de interacção social (social media) e a hiperconectividade dos dias de hoje.

 

2011: O top 10 dos filmes

Muito aconteceu no mundo do cinema este ano que agora finda, desde beijo que (quase) ninguém viu nos Óscares em Fevereiro até ao Êxtase na “morte” de Celso Júnior em Setembro no QueerLisboa15. Muitos filmes foram vistos, outros tantos esquecidos e até mesmo alguns ignorados. Eis a lista dos 10 filmes que destacamos:

 

Almodóvar numa outra pele (vídeo)

O primeiro filme de Pedro Almodóvar a ganhar um Óscar, "Tudo Sobre a Minha Mãe" ("Todo Sobre Mi Madre", 1999), é o primeiro de uma etapa exclusivamente dramática na filmografia do cineasta. Etapa essa que com "Abraços Desfeitos" ("Los Abrazos Rotos", 2009) já se adivinhava estar a terminar. O novo "A Pele Onde Eu Vivo" ("La Piel Que Habito", 2011) poderá ser o começo de uma nova fase na carreira do realizador, que se encaminha para um outro estatuto, uma outra pele, se assim quisermos.

Êxtase na "morte" de Celso Júnior

Ontem à noite perante uma plateia "cozy" Celso Júnior morreu! A sessão de exibição do documentário "The Life and Death of Celso Júnior" do grego Panagiotis Evangelidis, marcada para as 23h30, na sala 3, do Cinema São Jorge, em Lisboa, não encheu. Estavam lá apenas os mais próximos, amigos, fãs e admiradores, aqueles que apenas "preenchem um metro quadrado", mas aquecem uma sala imensa.

 

O Queer Lisboa já é adolescente!

 

 

 

 

 

 

 

 

O Queer Lisboa entra este ano na adolescência. Aquele pato de borracha está tão crescido, já faz 15 aninhos! Deixou de ser um mero reguila para ser agora um adolescente transgressor e rebelde.

 

O processo de coming out

“Um processo complexo de transformações interpessoais, frequentemente estendido à vida adulta, que leva a um conjunto de acontecimentos com o reconhecimento da orientação sexual do indivíduo.” Seja qual for a definição de coming out, o que conta é o que se sente. Por isso mesmo, aqui vão alguns conselhos para quem possa estar a pensar em dar o passo do coming out.

 

Ainda te lembras do Mirc? "Ddtc?" "Act ou Pass?"

Quem não se lembra do antigo Mirc ou IRC? Antes dos Manhunt, Gaydar ou mesmo do actual Grindr, já se marcavam encontros pela internet. Uma das formas mais conhecidas era exactamente através do Mirc. Uma rede de salas de chat onde existiam algumas "especializadas". O canal Gayengates estava sempre cheio. Aparecia no topo das salas mais preenchidas a nível nacional. Conhecidos era também o Gaycascais e o Gaywebcam.

 

Praias LGBT em Portugal: Praia do Homem Nu

Ilha de Tavira

Nos últimos anos Tavira, uma das principais cidades turísticas do litoral algarvio, assumiu uma posição de relevo no panorama LGBT regional e até nacional: o concelho conta com três espaços nocturnos «friendly», e a poucos quilómetros da cidade situam-se duas praias muito populares entre a população homossexual e bissexual. Sobre a famigerada praia de Cacela Velha escrevi no último artigo dedicado a esta temática; agora é a vez da praia do Homem Nu. 

 

 

 

Como é o maior Pride dos Estados Unidos

"In Pride We Trust" foi o tema dos 41 anos da celebração do Gay Pride em San Francisco, que teve lugar este fim-de-semana (25 e 26 de Junho). Chegando ao centro da cidade, por voltas das 13 horas, junto do Civic Center - onde há mais de 30 anos Harvey Milk incitou as massas a saírem às ruas com "Orgulho" -, avistamos o palco principal e pessoas coloridas (trajes, pinturas faciais, adereços do arco-íris), de todas as raças e idades. Alguns mais extrovertidos e mais velhos passeiam despidos pelo recinto fechado ao trânsito para a celebração, como forma de expressão do seu orgulho.

A celebração do Pride LGBT de San Francisco é considerado o maior encontro LGBT dos EUA. O comité de celebração do Pride LGBT baseia a organização deste macro-evento em doações mínimas "espontâneas" de cinco dólares na entrada dos portões do evento.

Federação de Futebol da Nigéria: Não interessa como jogas, diz-me quem tu amas

O campeonato mundial de futebol feminino decorre de 26 de Junho a 17 de Julho, na Alemanha, e para a Federação de Futebol da Nigéria a sexualidade das jogadoras é mais importante do que as suas qualidades técnicas em campo. A treinadora da selecção feminina de futebol da Nigéria, Eucharia Uche, declarou ao New York Times que considera o "lesbianismo" "um grande problema" e como solução prática, ao que parece, optou por perseguir e expulsar as mulheres da sua selecção nacional sobre as quais recai a suspeita de serem lésbicas.