Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

É hora de conhecer Aladar Noko (com vídeo)

noite.jpg

O cantor e activista italiano Aladar Noko, que vive e trabalha em Lisboa, lançou o vídeo de “Amore Liquido”, música que integra o álbum “The Colony”.

A canção foi gravada e e masterizada em casa durante o período da quarentena em Lisboa. O vídeo foi feito em colaboração com a artista e activista Paula Lovely, que também vive na capital portuguesa

“Amore Liquido” aborda a questão da violência transfóbica e homofóbica. Ao mesmo tempo que denuncia a cultura do estupro, aponta para a perpetração da violência sistemática do domínio do género masculino.

Aladar Noko já viveu em Milão, Paris e Londres. Numa entrevista recente descreveu Lisboa como “uma cidade que tem uma relação única com a música, um lugar onde funaná, kuduro, baile funk, fado, samba e muitos outros géneros se misturam, é uma realidade muito particular e animada, mais singular do que rara, em que tenho a impressão de que a música proveniente das ex-colónias está a realizar uma reescrita pós-colonial real”.

Na sua lista de influências musicais figuram nomes como Anohni, Linn da Quebrada, Giuni Russo, Peaches, Elza Soares, Nina Simone, mas também Fever Ray, Kiddy Smile, M.I.A, Mykki Blanco ou os portugueses Fado Bicha.