Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

Em Portugal e no Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

LGBTI+ e as Eleições Europeias: o apelo ao voto pela defesa da democracia, da liberdade e da paz

Depositphotos

Entre os dias 6 e 9 de Junho de 2024, quase 400 milhões de pessoas nos 27 Estados-Membros são chamados a votar nas eleições europeias - em Portugal as eleições estão marcadas domingo, dia 9 de Junho. Para informar melhor os cidadãos da União Europeia (UE) e incentivá-los a votar, o Parlamento Europeu preparou uma campanha que apela ao voto em defesa da democracia.

Através do slogan «Usa o teu voto. Ou outros decidirão por ti», sublinha-se a importância da democracia num continente que está a braços com uma guerra, com o crescimento da extrema direita e o crescente descontentamento da população em relação a vários temas nomeadamente a Habitação e o reduzido poder de compra. 

O Parlamento Europeu reafirma o seu empenho em promover o diálogo, a unidade e a cidadania activa. «Usa o teu voto. Ou outros decidirão por ti» serve para relembrar que a democracia é um legado que tem de ser cultivado e defendido por todos.

«A democracia é uma responsabilidade colectiva – não em prol de uma ideia política ou de uma causa específica, mas em relação uns aos outros», diz o porta-voz e director geral de Comunicação do Parlamento Europeu, Jaume Duch. «Estamos mais unidos na democracia europeia do que pensamos: entre nações, sensibilidades políticas e gerações. Nos tempos de polarização em que vivemos, é fácil esquecer isto e a nossa campanha foi criada para nos relembrar do que nos une.»

 

No dezanove.pt voltamos a analisar os programas eleitorais dos partidos portugueses que concorrem aos 21 lugares para eurodeputados e eurodeputadas que Portugal irá poder eleger para o Parlamento Europeu. No total vão ser eleito(a)s 720 eurodeputado(a)s. 

Que poderes tem o Parlamento Europeu? Juntamente com o(a)s representantes dos governos dos países da UE, o(a)s eurodeputado(a)s dão forma e decidem sobre novas leis que influenciam todos os aspectos da vida na União Europeia, tais como o apoio à economia, a luta contra a pobreza e contra as alterações climáticas, as questões de segurança, entre outros.  O(a)s eurodeputado(a)s dão destaque a temas políticos, económicos e sociais importantes e defendem os valores da União Europeia: o respeito pelos direitos humanos, a liberdade, a democracia, a igualdade e o Estado de direito. Além disso, o Parlamento aprova o orçamento da UE e controla a forma como o dinheiro é gasto. Também elege as pessoas que vão ocupar os cargos de Presidente da Comissão Europeia, de Comissário(a)s e pede-lhes que prestem contas. 

Tens mais dúvidas? Acede a este site:  Como funcionam as eleições europeias.

 

Nos próximos dias iremos publicar de forma aleatória - no que respeita à data de publicação dos artigos - as nossas análises ao programas eleitorais focando principalmente as questões LGBTI+ que mais nos preocupam bem como os limites à liberdade individual, porque também sabemos quão frágil pode ser a democracia, se não for activamente defendida. 

Concorrem a estas eleições os seguintes partidos/coligações: AD - Aliança Democrática (PSD, CDS, PPM); Aliança Democrática Nacional, Bloco de Esquerda, Chega, CDU - Coligação Democrática Unitária (PCP e PEV), Ergue-te, Iniciativa Liberal, Livre, Movimento Alternativa Socialista, Nós Cidadãos, Nova Direita, Partido da Terra, Partido Socialista, Partido Trabalhista Português, Pessoas-Animais-Natureza, Reagir Incluir Reciclar e Volt Portugal.

Dia 9 de Junho, vota de forma informada: por ti, pelos teus, pela Europa!

E até lá passa pelo site www.dezanove.pt diariamente.

 

Artigo actualizado a 28 de Maio.

Foto: https://depositphotos.com/pt/