Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Meu Amor: Seis histórias de amor verdadeiro

Meu Amor Seis histórias de amor verdadeiro.PNG

Se nos tempos que vivemos ainda tens alguma dúvida que o amor não tem barreiras, nem idade, nem lugar, nem limites, chegou a série documental para acabar com as tuas dúvidas. “Meu Amor: Seis Histórias de Amor Verdadeiro” foi realizado por Jin Moyoung e chega à Netflix dia 13 de Abril.

O retrato de um casal lésbico oriundo de uma favela carioca é um dos focos da série internacional “Meu Amor: Seis Histórias de Amor Verdadeiro”. Jurema e Nilcinha convivem há 43 anos. Estão juntas desde a adolescência e vivem na Favela da Rocinha, no Rio de Janeiro. Numa das cenas é possível ver, inclusive, a festa de graduação da filha de ambas.

Em comum aos seis casais está não só o amor, mas as décadas que os unem. Entre quatro a seis décadas juntos e atravessando o evoluir dos tempos.      

Inspirada no aclamado documentário coreano “My Love, Don't Cross That River”, a comovente série “Meu Amor” documenta um ano na vida de seis casais de idosos de todo o mundo. Percorrendo o globo do Brasil à Índia, passando pelo Japão, Coreia, Estados Unidos e Espanha.

Para além do episódio dedicado a Jurema e Nilcinha, os  outros episódios são dedicados aos casais Satyabhama e Satva (Índia), Haruhei e Kinuco (Japão), Saengja e Yeongsam (Coreia do Sul), Nati e Augustus (Espanha) e David e Ginger (Estados Unidos).  Seis exemplos que nos mostram como se vive um amor duradouro.