Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Os Balls da Nala Revlon: espaços seguros para afirmação de pessoas queer

nala revlon ballroom portugal

"The category is..." Balls em Portugal. Para quem segue a série "Pose" os balls não são propriamente uma novidade. 

Inspirados nos ballrooms dos anos 80 de Nova Iorque, estes são espaços seguros para afirmação de corpos queer habitualmente marginalizados e que se expressam através da dança e da música. Fomos falar com Nala Revlon a impulsionadora desta iniciativa, que está sediada no Porto e já tem planos de expandir estes bailes pelo país.

 

dezanove: Onde foste buscar inspiração para realizar e colocar em prática este projecto de extrema importância para Portugal?
Nala Revlon: Quando decidi mudar-me para Paris o meu objectivo foi sempre trazer de volta o que fui aprendendo neste processo. Os ballrooms não existiam em Portugal, espaços neste formato voltados para pessoas queer, sobretudo para pessoas queer negras. Foi em Paris que vivenciei um espaço assim e inspirei-me na minha house e em outras pessoas da comunidade que, para além de estarem activos na comunidade ballroom, também são vocais e activos em questões sociais.

ballrooms queer portugal.JPGnala revlon.JPG

Na tua percepção, este tipo de projectos e dinâmicas fazem falta a Portugal e à comunidade LGBTI+?
Sempre fizeram falta, sinto que cá as coisas chegam sempre depois. O mesmo acontece com a abertura a certas conversas e questionamentos. É preciso mais rodas de conversa e mais inclusão. Neste momento, pelo menos dentro da ballroom que é o projecto que estou a orientar, estes espaços [de abertura, conversas e questionamentos] estão a surgir mais e mais, seja em aulas, nos balls ou em festas. Tenciono aliar-me a mais pessoas que estão a trabalhar para as mesmas causas, de forma a que, como um colectivo, possamos dar mais visibilidade a estes espaços.

 

Podes informar-nos das datas e locais onde vamos poder assistir a estes bailes e espaços de conversa no nosso país?
Dou aulas todas as sextas-feiras de Vogue Fem, a minha categoria, na ballroom na Boom Academy em V. N. de Gaia. No último dia 19 estive a dar um workshop na mesma escola de outra categoria que se chama Old Way com uma integrante da ballroom europeia. No próximo dia 19 de Março vai decorrer a festa Pump da Beat, que são festas clubbing voltadas para pessoas queer no Porto. Dia 27 Março teremos uma vogue night no Trumps e dia 30 teremos um ball no Teatro Rivoli organizado por mim e a Piny que também é bailarina no âmbito do Festival DDD. Para mais informações basta contactar-me pelo meu insta @nala.rev ou @vogue.ptchapter.

 

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por Nala 🦁 (@nala.rev)

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por Nala 🦁 (@nala.rev)

 

João Oliveira