Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Samuel F. Pimenta vence Prémio Literário Cidade de Almada

samuel.jpg

Samuel F. Pimenta venceu a 31.ª edição do Prémio Literário Cidade de Almada/Poesia, graça à obra "Ascensão da Água".

O júri integrava nomes como José Manuel Mendes, escritor e presidente da Associação Portuguesa de Escritores, Manuel Frias Martins, professor universitário e crítico literário, e o poeta Joaquim Pessoa. "É melancólico o olhar que o poeta lança sobre o mundo. Contudo, há nos poemas um êxtase contemplativo que capta a atenção, reforçando, ao mesmo tempo, a eficácia comunicativa das imagens e das palavras", declarou o júri, citado em nota de imprensa da Câmara de Almada.

Com vários textos publicados no dezanove.pt, vencedor de galardões como o Prémio Jovens Criadores 2012 (Portugal), a Comenda Luís Vaz de Camões 2014 (Brasil) e o Prémio Liberdade de Expressão 2014 (Brasil), Samuel F. Pimenta foi um dos vencedores das Bolsas Jovens Criadores, do Centro Nacional de Cultura. Em 2016, com o livro “Ágora”, ganhou o IV Prémio Literário Glória de Sant’Anna, galardão anual destinado ao melhor livro de poesia dos países e regiões de língua portuguesa.

Já Maria Francisca Macedo foi distinguida com o Prémio Literário Maria Rosa Colaço, dedicada à literatura infantil, com o original “Histórias de Enc(o)ntar de um lobo que não gostava de matemática”.

Em 2019, integraram as competições 277 obras originais. A cada um dos autores premiados a Câmara Municipal de Almada atribuiu um prémio monetário no valor de cinco mil euros.

 

Foto: CM Almada. Maria Francisca Macedo, Inês de Medeiros e Samuel F. Pimenta