Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dezanove
A Saber

Em Portugal e no Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

"Comecei por recorrer ao SNS - uma conquista do 25 de Abril - mas acabei por desistir e optar por serviços de saúde fora do país"

banner opiniao_MariaJoãoVaz.png

Com o fim da ditadura no 25 de Abril de 1974, houve enormes alterações a nível político e social, no entanto, do ponto de vista de género não houve abertura suficiente para que isso tivesse tido algum impacto em mim quando era criança.

Maria João Vaz publica "Memória de uma Epifania e Outras Histórias"

_opt_VOLUME1_CAPAS-UPLOAD_CAPAS_GRUPO_LEYA_OFICINA_LIVRO_EGM_Oficina_livro_9789896617714_memoria_de_uma_epifania_e_outras_historias (2).jpg

"Memória de uma Epifania e Outras Histórias" é um relato intimista e familiar sobre a autodescoberta de Maria João Vaz que, após cinco décadas, finalmente abraça sua verdadeira identidade como mulher trans.  Da rejeição inicial ao apoio familiar, à progressiva aceitação da sua identidade enquanto mulher trans e passando por sucessivos coming outs até chegar à esfera pública, o livro é um comovente tratado de empatia e coragem.

“Kenya”, filme sobre activista trans mexicana, vence a competição oficial e o prémio do público no Queer Porto

queer porto kenya

O filme da realizadora Gisela Delgadillo é o grande vencedor da 9ª edição do Queer Porto, que decorreu entre os dias 10 e 14 de Outubro no Batalha Centro de Cinema e na Casa Comum da Universidade do Porto.

 

 

Papa Francisco diz que transexuais “são filhos de Deus”

ashwin-vaswani-55k45BgfUF8-unsplash.jpg

Numa entrevista a uma revista espanhola o Papa Francisco afirmou que as pessoas trans [como devem ser referidas] são “filhos de Deus”. A entrevista foi concedida antes da Jornada Mundial da Juventude, mas só foi agora revelada.

Parlamento português aprova Dia Nacional da Visibilidade Trans

Visibilidade Trans

A Assembleia da República aprovou esta quarta-feira, 19 de Julho, uma iniciativa que consagra o dia 31 de Março como Dia Nacional da Visibilidade Trans, recomendando ao Governo que implemente uma estratégia pela igualdade e não discriminação destas pessoas.

Pageboy – O livro de Elliot Page que não podes perder!

pagebpy.jpg

Elliot Page é um conceituado actor canadiano, nomeado para um para Óscar pelo filme Juno e que actualmente faz parte do elenco de The Umbrella Academy, série de sucesso da Netflix, além de ser produtor e realizador. Agora tornou-se uma invulgar voz literária e tu não podes perder.

 

 

Crítica ao filme Ary (2022)

ary

4star800.jpg

 

 

A disforia de género, resumidamente, é o termo atribuído ao conflito interno de uma pessoa que não se identifica com o seu sexo biológico. Digo resumidamente pois é o máximo de compreensão que algumas pessoas precisam para formar pré-conceitos sobre o assunto, mas, obviamente, a definição vai muito além disto.

Mas porque é que eu tenho que lutar pelos direitos das pessoas trans?

22395248_P9fPl (1).png

Está a chegar ao fim mais um mês de Junho, com todas as suas dicotomias: celebração, por um lado, luta por outro. Amor e alegria, mas também raiva e luto. Orgulho do caminho que já percorremos, e receio pelo caminho que falta percorrer. A consciência de que fazemos parte de uma comunidade em que todas as letras da nossa sigla são iguais, mas algumas são mais iguais que outras. 

 

Jó Bernardo e Valeria Vegas em conversa sobre as realidades e as representações trans em Portugal e Espanha

jo bernardo valeria vegas joão ferreira.jpg

A sessão do filme “Vestida de azul” no Batalha Centro de Cinema, em colaboração com o Queer Porto, foi o pretexto para uma conversa com Jó Bernardo, pioneira do activismo trans em Portugal, e Valeria Vegas, jornalista espanhola e autora de vários livros, entre os quais a biografia de Cristina “La Veneno”. As duas mulheres trans falaram de exclusão e marginalidade social, referências e visibilidade mediática, expectativas, conquistas e decepções do activismo nas últimas décadas.

Manifesto Contra-Sexual de Paul B. Preciado

manifesto-capa4_grande.png

Paul B. Preciado é um dos filósofos feministas que mais tem se destacado nos debates da teoria queer e dos estudos de género deste século. Conhecido pela auto-administração de testosterona ao longo de 236 dias – metáfora política à contestação dos corpos e das sexualidades que permanecem sobe a tutela dos Estados -, publica Testo Yoqui, obra que partiria da sua experiência, enquanto homem trans, para desbravar como as estruturas de poder político e indústrias fármaco-pornográficas influenciam as experiências individuais e como se vive e constrói o corpo. 

Nova produção teatral está a ser acusada de transfake

lisbon_players.jpg

A peça "Things I Know to be True" produzida pelos The Lisbon Players está em cena no Teatro do Bairro até 30 de Abril. A peça de autoria do dramaturgo australiano Andrew Bovell, encenada por António Carlos Andrade, traz, de acordo com a sinopse: “uma exploração complexa e intensa das dinâmicas familiares – e matrimoniais – pelo olhar de quatro irmãos e irmãs que procuram encontrar-se a si mesmos para lá do amor e das expectativas dos seus pais”. 

rede ex aequo lança Guia sobre Saúde e Leis Trans em Portugal

guia-trans-banner.png

A rede ex aequo é uma associação de jovens lésbicas, gays, bissexuais, trans, intersexo (LGBTI) e apoiantes. Desde a sua origem em 2003, que “procura dar resposta à necessidade de apoiar os jovens LGBTI face ao bullying, ao isolamento, à violência e ao abandono aos quais muitos destes jovens tendem a ser sujeitos”.

 

 

1ª Marcha de Visibilidade Trans do Porto: o manifesto, as reivindicações e as fotos 

visibilidade trans

Foi sob o lema «Não é ideologia, não é patologia, fim à transfobia, DIREITOS TRANS JÁ» que mais de 500 pessoas percorreram ontem pelas ruas do Porto. Dezassete anos depois do assassinato de Gisberta, realizou-se ontem a edição inaugural de uma marcha pela visibilidade, pela voz e pelo «lugar na cidade e na sociedade» das pessoas trans.