Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

1 de Dezembro: Abraço com eventos em Lisboa e no Porto

gala abraço e baile vermelho.jpg

Já é tradição. A 1 de Dezembro, Dia Mundial da Luta Contra a SIDA, o Teatro São Luíz, em Lisboa recebe a Gala Abraço. E este ano o Palácio do Freixo, no Porto, acolherá o Baile Vermelho.

Para Lisboa já são conhecidos alguns dos artistas presentes na 26ª edição da Gala Abraço. O dezanove.pt desvenda alguns dos nomes que darão o seu contributo pelo fim do estigma de quem vive com o VIH.  Na secção das novas artistas teremos números protagonizados por Ashley Fox, Demi Starlight, Eva Brown,  Jennifer Close,  João Almada Dancer, Kassandra, Kina Karvel, Layza Star, Miss Lane, Nicky Star, Norma Swan, Roxy Vieira,  Sanmyra Summer e Vitoria Village. A direcção artística é de Deborah Krystall.

A apresentação da gala estará a cargo de Pedro Fernandes e Sónia Tavares e o júri será composto por diversas personalidades, entre as quais Rui Maria Pêgo. Entre as presenças confirmadas estão ainda Marina Mota, Lenita Gentil e Maria da Fé. Os restantes artistas serão divulgados na página do Facebook da Gala.

O espectáculo de transformismo, com travestis, drag queens, trans, artistas LGBTI e simpatizantes lembra a importância da inclusão e da solidariedade. Uma noite pela defesa dos direitos humanos e da igualdade, para sublinhar, uma vez mais, que “é na diferença que está a riqueza”, faz saber a organização numa nota enviada ao dezanove.pt.

Há mais de uma década que o Teatro São Luiz se associa a este espectáculo, criado em 1992 por Carlos Castro, como Gala Noite dos Travestis, uma ocasião para lutar contra estigmas e apoiar o trabalho realizado pela Associação Abraço, que presta auxílio a pessoas infectas e afectas pelo VIH/SIDA desde esse mesmo ano.  Bilhetes à venda nos locais habituais entre os 11 e os 22 euros.

 

No Porto haverá também um evento marcado para as 20 horas no Palácio do Freixo. O Baile Vermelho tem o apoio do Pestana Hotel Group. Cristina Sousa, vice-presidente da Abraço, apela a que os convidados “sigam a temática sugerida e vistam de vermelho”. Com esta cor prende-se aumentar a consciencialização sobre o VIH/SIDA e unir as pessoas “em prol de uma sociedade mais justa, mais igualitária e mais humana”, já que o vermelho é usado como “poderoso sinal de solidariedade em defesa de todos aqueles que sofrem por actos de discriminação e exclusão social associados a uma doença que em Portugal atinge perto de 43 mil pessoas”, pode ler-se num comunicado enviado às redacções.

O Baile Vermelho não é apenas um baile, mas pretende também angariar fundos para a concretização de projetos em curso na Abraço. Os donativos que permitem o acesso ao baile começam nos 70 euros.

Registe-se que na cidade do Porto está para breve a inauguração do novo Centro Comunitário de Rastreio ao VIH e outras IST.  A inauguração deste novo centro está marcada para dia 26 de Novembro. Esta nova valência permitirá alargar o âmbito de intervenção do centro, não se cingindo aos rastreios e ficará localizada na Rua da Torrinha 254D.