Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Marroquino agredido e despido em público por ser gay vai preso dois meses

marrocos.jpg

Um dos homossexuais que foi agredido no interior de uma casa em Beni Melal, no centro de Marrocos, foi condenado a dois meses de prisão. A agressão a dois jovens, que foram espancados dentro de casa e despidos por um grupo de vizinhos que os arrastaram para a rua, tornou-se pública após a divulgação de um vídeo

Segundo contou agora um representante da Associação Marroquina dos Direitos Humanos em Beni Melal, a agressão ocorreu a 9 de Março e o julgamento a 15. O jovem condenado foi detido pela polícia e presente a juiz que determinou uma pena de dois meses de prisão e uma multa de 500 dirhams (cerca 45 euros). O outro jovem conseguiu escapar às autoridades.

Este caso só tomou proporções nacionais depois de ter sido publicado no último fim-de-semana um vídeo com todos os detalhes da agressão. Só depois de divulgadas as imagens é que as autoridades decidiram também investigar os agressores.

Em Marrocos, o crime de homossexualidade está previsto no artigo 489 do Código Penal, com uma pena até três anos de prisão.

1 comentário

Comentar