Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

As diferentes formas do género em reportagem no Expresso

Alice foto de Ana Baião Expresso - report BernardPedro Ferreira boxe foto de Ana Baião Expresso

Depois de publicada em Outubro último em suporte papel, a reportagem “As Marias são rapazes e os rapazes também choram“ chegou agora ao site do Expresso. A reportagem, da autoria de Bernardo Mendonça e com fotografia de Ana Baião, debruça-se sobre vários casos de jovens portugueses que desafiam cada vez mais o género “socialmente estabelecido”.

Na reportagem são expostos cinco exemplos que mostram que os estereótipos podem sair (e abandonar de vez) as "caixinhas".

Um dos testemunhos é o de Alice, activista das Panteras Rosa: "Não sou homem nem mulher. Sou gender queer, que é uma categoria alternativa de género." Na forma como se veste, Alice mistura conceitos de ambos os géneros. Às vezes usa barba cerrada, outras vezes maquilha-se com base e baton carregado, “pinta as unhas, usa anéis e brincos e revela os ombros peludos em grandes decotes”. Alice não o faz por fetiche ou performance: "Esta é a minha identidade, a forma como me sinto como pessoa. Não estou no corpo errado, nem estou presa no meu corpo. Estou, sim presa nas expectativas que a sociedade tem sobre mim e sobre o meu corpo."

O praticante de boxe Pedro Ferreira, de 21 anos, é outro dos entrevistados e declara: “Entre os rapazes há ainda muita homofobia acéfala. Começa desde pequenino, se queres ofender chamas o outro de paneleiro, maricas, gay. Mas por outro lado, de acordo com estudos e artigos que tenho lido, há cada vez mais jovens que assumem ser bissexuais, diz-se que a maioria é.”

A reportagem ouviu também a opinião de especialistas e académicos como Sandra Saleiro, Conceição Nogueira ou Maria do Mar Pereira.

Podes ler a reportagem completa aqui.

 

Crédito das fotos de Ana Baião