Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Como o referendo, a adopção e a co-adopção dominaram a internet em Portugal

 

O tema que se debateu na última quinta e sexta-feira dentro das quatro paredes do Parlamento diz respeito a todas as quatro paredes em Portugal. Pedro Delgado Alves, deputado do PS, não podia estar mais certo.

 

O tema do referendo sobre a adopção e a co-adopção dominou as atenções em Portugal nos últimos dias: desde a abertura dos noticiários em todos os canais, a reportagens específicas como esta onde podemos ver o pequeno Matias na TVI, da primeira página dos jornais como o Expresso, à internet: das redes sociais aos blogues.

 

 

As redes sociais

Precisamente nas redes sociais, no momento da votação do referendo, a hastag #PSD foi a mais usada da hora. De seguida seguiu-se a tag Teresa Leal Coelho, que se demitiu em sequência da votação e "coadoção" também foi um dos temas mais mencionados (trending topic) no Twitter em Portugal. Os dados são do site Trends Map.

No Facebook explodiram páginas como "Eu voto sim no referendo sobre a co-adopção por casais do mesmo sexo" (17 mil likes em dois dias) ou imagens do deputado Hugo Soares com frases humorísticas.

 

O humorista Bruno Nogueira também decidiu intervir em prol da causa da co-adopção de maneir bem sui generis.

 

Um original protesto online pretende fazer perdurar na memória dos eleitores Portugueses quem foi o responsável pelo referendo. Este protesto visa proliferar no Facebook a frase "Não esqueceremos, deputado Hugo Soares", associando o perfil do deputado no Facebook à frase. Colateralmente estão a ser envolvidas as páginas da JSD e do PSD. O evento no Facebook alcançou mais de 1300 participações em menos de dois dias.

Mas não é só. Um protesto que se designa por "Occupy PSD" está a deixar mensagens pró-adopção nas páginas oficiais do partido:

Até uma das imagens que mais circula na internet já entrou na campanha:

Mas o humor não fica por aqui, rapidamente proliferaram imagens como as seguinte que são partilhadas às dezenas:
 
E até as posições do Primeiro-Ministro sobre o tema e a Constituição da República Portuguesa são lembradas:
 

Na blogosfera

No que respeita a blogues, surgiram mais de 25 referências ao tema co-adopção. Destaque para os seguintes blogues:

O blogue Jugular relembra a campanha de visibilidade que está presente em Lisboa e questiona porque não vão a referendo então todas as famílias? O blogue Something New sintetiza o referendo como "Estamos a pôr nas mãos delas [as pessoas] a possibilidade de negar um direito que todos, sublinho, TODOS temos: o de amar e ser amado."

O blogue Vermelho Cerise é mais contundente: "Esta porcaria de proposta partiu da JSD, estrutura que, de resto, integro, e que é a mesma JSD (talvez não bem a mesma, mas pronto) que votou contra o partido em matérias absolutamente estruturantes (a despenalização do aborto, por exemplo). Agora está tudo ao contrário e temos dirigentes do partido que se demitem por causa de propostas da "brigada do sapato de vela". Estou saturada deste país de beatos, deste país de cobardolas saloios que acham que ainda vivemos em 1950. Estou com Isabel Moreira quando ela diz que hoje foi um dia triste para a democracia."

O blogue Corta-Fitas prefere classificar a posição da Esquerda no Parlamento como uma "campanha unanimista, saloia e revoltante. Deliciem-se com a cobertura dessa imprensa pouco séria, manipuladora, obscenamente parcial, anti-democraticamente tendenciosa, indignamente omissa em toda a opinião que contradiga a festa. Entretanto, foram travados."

 

Os vídeos

As intervenções de Pedro Delgado Alves (PS) e Cecília Honório (Bloco) e do deputado Hugo Soares já somam mais 5000 de visualizações no Youtube e no Sapo Vídeos. O conhecido pediatra Mário Cordeiro voltou a ocupar os murais de muitos portugues através de um vídeo que voltou a ser partilhado e já ultrapassou as 30 mil visualizações. Um vídeo do jovem português conhecido no Youtube por KikoisHot, e que tem uma legião de mais de 60 mil seguidores, teve cerca de 3000 visualizações em apenas cinco horas. No vídeo o jovem defende que o argumento das crianças chegaram às escolas e serem gozadas por terem dois pais ou duas mães se contrapõe com "é melhor ter dois pais do que não ter nenhum."

 

 

1 comentário

Comentar