Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Lara Crespo (1971-2019)

lara crespo.jpg

Faleceu Lara Crespo, activista pelos direitos das pessoas trans em Portugal.

Co-fundadora, em conjunto com Eduarda Alice Santos, do Grupo Transexual Portugal, focado nos direitos das pessoas trans e na luta contra a patologização da transexualidade, Lara Crespo pôs termo à vida. Participou em várias iniciativas, tanto no Parlamento, como em debates em diferentes cidades, em prol da comunidade trans.

Com uma generosidade ímpar, fazendo força da sua imensa fragilidade, a Lara lutou anos a fio - uma das primeiras - pelos direitos das pessoas trans e de todxs, por uma sociedade mais justa, pela felicidade de desconhecidxs, para que as gerações seguintes não tenham de viver um terço das violências que ela - como tantas outrxs - sofreu. Saibamos continuar a luta e acarinhar e merecer a sua memória, cada gesto de carinho que nos deixou, frente a uma sociedade injusta que não a mereceu e a uma comunidade que continua a não saber, ou não conseguir, cuidar dos seus”, destacou Sérgio Vitorino, do colectivo Panteras Rosa, no Facebook.

“A Lara Crespo foi, a par com a Eduarda, uma das pessoas que mais desbravou caminho pelos direitos das pessoas trans em Portugal, pagando o preço do isolamento, do sofrimento e da discriminação a todos os níveis (…) A morte da Lara soma-se ao revoltante número de pessoas trans que todos os anos são assassinadas ou decidem pôr termo à sua vida. Não te esqueceremos, querida Lara”, destacou no Facebook o deputado do BE José Soeiro.

Vídeos da autoria de Raquel Freire e do colectivo Lóbula