Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Comunidade LGBTQI+ de Angola chocada com a morte de Litilson

Litilson dezanove Angola Cabinda.jpg

O falecimento aconteceu na província de Cabinda, no norte de Angola, e está a abalar a comunidade LGBTQI+ de Angola. Litilson de 25 anos, foi, segundo algumas fontes e confirmado junto da Associação Íris Angola, alvo de um brutal espancamento.

O desaparecimento de Litilson sucedeu no dia 17 de Fevereiro. Dois dias a vítima foi encontrada gravemente ferida, apresentando sinais de espancamento. Não resistindo aos ferimentos, Litilson acabou por falecer quatro dias depois, dia 23 do mesmo mês. Uma fotografia publicada pela associação Íris Angola, na sua página do Facebook, está a deixar preocupada toda comunidade que defende os direitos humanos.

Assim como Litilson em Cabinda, outras vidas foram ceifadas, como foram os casos de Chica, mulher trans de 50 anos residente em Luanda e Ray homem trans de 17 anos, habitante da cidade de Benguela, ambos em Dezembro.

A transfobia, homofobia e outras formas de discriminação, têm sido apontadas como uma das principais causas que vitimam estes cidadãos angolanos. Os contactos feitos pelo dezanove.pt não conseguiram apurar as verdadeiras razões deste crime. Mas é certo que o preconceito e a discriminação e que estão a abalar os colectivos e associações LGBTQI+ angolanas que previnem e combatem a violência as pessoas LGBTQI+.

 

Noé João

 

Contacto de ajuda para pessoas LGBTQI+ em Angola:

Associação ÍRIS Angola  carlos.irisangola@gmail.com +244 939 476 861.

Arquivo de Identidade Angolano  arquivodeidentidadeangolano@gmail.com

https://www.arquivodeidentidadeangolano.com/ +244 937 574 608.

Movimento EU SOU TRANS ANGOLA  eusoutransangola@yahoo.com

Queer People queerpeople123@gmail.com

 

Se estás em Portugal e precisas de ajuda: 

AMPLOS - Associação de Mães e Pais pela Liberdade de Orientação Sexual e Identidade de Género

APAV - Associação Portuguese de Apoio à Vítima - Rede Nacional de Gabinetes 

API - Acção Pela Identidade

API – Associação Plano i (Matosinhos)

Casa Qui - Associação de solidariedade social pela inclusão e bem-estar da população LGBT

ILGA Portugal - Intervenção Lésbica, Gay, Bissexual e Transgénero

Linha LGBT - Linha Telefónica de Apoio e Informação LGBT

Opus Diversidades – Defesa e promoção dos Direitos Humanos da comunidade LGBTI+

Panteras Rosa - Frente de Combate à LesBiGayTransfobia

rede ex aequo -  Associação de jovens LGBTI e apoiantes: geral@rea.pt

ReNascer -Serviço de Saúde Mental

SOS Voz Amiga - um serviço de ajuda pontual em situações agudas de sofrimento causadas pela Solidão, Ansiedade, Depressão e Risco de Suicídio: 21 354 45 45,  91 280 26 69 ou 96 352 46 60. (entre as 16 e as 24h00)

 

1 comentário

Comentar