Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dezanove
A Saber

Em Portugal e no Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

O arco-íris que termina no Qatar

Manuel Oliveira

Alteraram a braçadeira de capitão, colocaram bandeiras nos estádios e, chegaram até, a criar uma onda de afecto quando um jogador se assumiu homossexual. Mas, apesar de todo o “activismo”, que agora percebemos falso, não se lembraram de mais nenhum país para celebrar a maior competição do desporto que amam. Tornou-se difícil a escolha e, por coincidência, ficou designado um país onde ser LGBTQIA+ não só é ilegal como é punível com pena de morte. 

 

A (in)segurança de pessoas LGBT no Campeonato Mundial de Futebol no Qatar

qatar 2022 fifa.jpg

O Campeonato Mundial de Futebol FIFA de 2022 será a vigésima segunda edição deste evento desportivo e ocorrerá no Qatar, um país que criminaliza a homossexualidade. Muito se tem falado sobre a (in)segurança de pessoas LGBT neste país e as declarações de várias pessoas sobre o tema têm sido contraditórias.

Malta FC: O clube de futebol feminino que pretende libertar-se das amarras da sociedade

malta fc futebol mulheres amadora

Malta Futebol Clube é o nome do mais recente clube da Amadora, que surgiu da necessidade de se criar um espaço de pertença, um espaço que celebre, promova, privilegie e tenha como prioridade o bem-estar das mulheres e a cooperação entre elas. Treinam às quintas-feiras e ao domingo e estão abertas à integração de pessoas que se identifiquem como mulheres, não olhando à idade e/ou à habilidade.

O dezanove.pt foi conhecer um pouco mais deste projecto.

 

 

 

Homossexuais no Futebol: Douro Bats, "a equipa que nos aceita como somos"

Douro Bats

Homossexuais no futebol: É um dos maiores tabus da sociedade portuguesa. No país que "vive" para o futebol está a surgir uma equipa  que joga contra o preconceito e onde, precisamente, a orientação sexual não é um factor tabu.

 

“Doença actual: homossexual” foi assim que jovem guarda-redes foi diagnosticada e o diagnóstico está a gerar polémica

IMG_20211009_133909.jpg

Alba Aragón é uma jovem de 19 anos, que actua como guarda-redes do CAP Ciudad de Múrcia. Devido ao seu ciclo irregular, marcou uma consulta de ginecologia no hospital Hospital Reina Sofía no qual revelou a sua orientação sexual, sem esperar o resultado: consta no relatório que a sua doença actual é ser homossexual.

 

 

"O gramado do vizinho não é tão verde assim"

pexels-sharon-mccutcheon-1407278.jpg

Segundo levantamento da ILGA (Associação Internacional de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Trans e Intersexuais), 70 países criminalizam a homossexualidade, o que representa 35% das nações membros da ONU (Organização das Nações Unidas). 

 

Homofobia, preconceito, discurso de ódio e misoginia

Helena Ferro de Gouveia.png

Pensei muito, muito mesmo antes de escrever o que vou escrever, porém quero e preciso de o fazer para que a intimidação, a ameaça, o silenciamento, o bullying não triunfem.

 

UEFA rejeita iluminação do Allianz Arena com cores do arco-íris, mas a Alemanha irá iluminar-se na mesma

Allianz Arena Munique (1).PNG

No passado dia 20 de Junho, soube-se que a Câmara Municipal de Munique propôs iluminar com as cores da bandeira LGBTI+ o estádio Allianz Arena, onde irá decorrer o jogo do Euro 2020, entre a Alemanha e a Hungria, na próxima quarta-feira. A iluminação  com as cores do arco-íris pretendia demonstrar solidariedade com a população da Hungria, depois do parlamento húngaro ter aprovado uma nova legislação anti-LGBTI+.

Ignacio Quereda, ex-seleccionador espanhol de futebol feminino, é denunciado por abusos: "Quero erradicar o lesbianismo e os maus hábitos!"

futebol feminino  machismo.jpg

O livro da jornalista Danae Boronat, intitulado “No las llames chicas, llámalas futbolistas” (“Não as chames miúdas, chama-as futebolistas”), denuncia múltiplos abusos perpetrados por Ignacio Quereda, seleccionador de futebol feminino em Espanha entre 1988 e 2015.  A Real Federação Espanhola de Futebol é, ainda, acusada de abafar as denúncias das atletas.

Inédito: Benfica lança campanha "Seja a tua família como for"

Família Benfica.jpg

O Sport Lisboa e Benfica lançou uma campanha de marketing voltada para a família. Através de um vídeo promocional, são retratadas e mencionadas diferentes tipologias, sendo estas inclusivas e igualitárias, promovendo assim o que chamam “Sócio Família”, e espelhando a diversidade que compõe a nossa sociedade.

 

Festival Offside Lisboa traz-nos a trágica história de Justin Fashanu

Justin Fashanu  futebolista gay.jpg

Offside Lisboa é o primeiro festival de cinema independente com enfoque no futebol a realizar-se em Lisboa. Nasce do amor ao futebol e ao cinema e da vontade de mostrar que filmes e bola não são mundos distantes e têm pontos de contacto. a primeira edição decorre este fim-de-semana e traz um documentário sobre o primeiro futebolista que admitiu ser homossexual: Justin Fashanu. 

 

 

Está aí o calendário mais sexy e ousado de sempre dos BJWHF (com vídeos)

calendário BJWHF 2018.jpg

Já começa a ser tradição no final de cada ano recebermos a notícia que o calendário dos atletas da associação Boys Just Wanna Have Fun (BJWHF) está a chegar. Este ano não é excepção. E a coisa promete.

Jogador chamou "maricón" a Cristiano Ronaldo. CR7 retorquiu: “Maricón, mas com dinheiro”

cristiano ronaldo CR7 maricon.jpg

Este Sábado durante o dérbi da liga espanhola Atlético de Madrid–Real Madrid, o jogador português terá sido chamado de “maricón” por Koke, futebolista do clube rival.