Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

O que podemos todes aprender com o Dia da Memória Trans

Marco Graça

Este Sábado dia 20 de Novembro, a celebração da Semana de Visibilidade Trans encerrou, como sempre desde a sua criação, com um dia antitético ao espírito da semana, um dia em que nos juntamos para relembrar as pessoas que continuamos a perder para a transfobia. Um dia em que honramos a coragem que estas pessoas tiveram. Coragem para lutarem pela sua felicidade, num mundo cis que prioriza o seu próprio conforto aos direitos de pessoas trans, e deixar a sua marca em quem as amou. Antes, durante e no final do manifesto, anunciou-se a desconcertante notícia que desde o Dia da Memória Trans anterior, 375 pessoas trans, pelo mundo inteiro, já não se encontravam entre nós, vítimas de crimes de ódio. 

 

Dia Internacional da Memória Trans – Lembrar para quê?

IMG-20211120-WA0040.jpg

A história queer está cheia de símbolos – muitas vezes, esses símbolos são pessoas, e quase sempre pessoas que perderam a vida cedo demais. No 20 de Novembro, Dia Internacional da Memória Trans, é normal evocarmos alguns desses símbolos.

 

“Jantar Indiscreto” e "SCROLL" os novos programas da RTP2 para combater o preconceito

RTP2 Jantar Indiscreto Scroll.png

Idealizado e produzido pela Muxima Bio, o programa televisivo “Jantar Indiscreto” estreia no próximo dia 16 de Setembro, às 23h, na RTP 2. O novo formato, com seis episódios, é apresentado pela activista e empresária de impacto social Myriam Taylor que, semanalmente, recebe quatro convidados para uma refeição sem tabus, antecedida de uma experiência social. Preparada para colocar preconceitos em pratos limpos.

Três dias depois é a vez de "SCROLL" com Diogo Faro e Bia Tavares (Djay Bee).

 

 

Allan Barbosa: "O maior desafio de todos é a sobrevivência das pessoas LGBTI+ brasileiras a residir no Brasil"

Allan Barbosa Queer Tropical.jpeg

5.5 Uma série de cinco entrevistas que vamos publicar nos próximos tempos a cinco pessoas que, de uma forma ou de outra, contribuíram positivamente para que tenhamos Orgulho em sermos quem somos e que nos tenham inspirado e facultado os seus conhecimentos em prol de um país melhor.

 

 

Kiko is Hot: “Estamos a pedir que não façam humor com as minorias”

 

Kiko is Hot.jpeg

No passado dia 20 de Julho, foi para o ar mais um programa “O Rei manda”, da Rádio AVfm de Ovar, no qual três locutores, falam sobre Francisco Soares, mais conhecido por Kiko is Hot, (o actor da série “Casa do Cais”), de forma sexualizada, preconceituosa e estereotipada.

 

 

Mulher vítima de ataque transfóbico no Brasil

mask-5498470_1920.jpg

Aviso: Conteúdo potencialmente perturbador.

Roberta Nascimento Silva, uma mulher trans de 33 anos, foi vítima de uma tentativa de homicídio na madrugada desta quinta-feira, em Recife, capital do estado de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar de Pernambuco, o autor do crime é um adolescente.

 

17 de Maio em Portugal: nunca houve tantas bandeiras do arco-íris hasteadas em edifícios públicos

Foto: Esqrever

A boa notícia é que nunca como neste 17 de Maio houve tantas bandeiras do arco-íris hasteadas em edifícios públicos. A má é que não as conseguimos contabilizar todas.

 

Os destaques LGBTI+ do FITEI

 

FITEI Teatro LGBTI.jpg

 

O FITEI – Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica está de regresso, entre 1 e 16 de Maio, com um programa misto – presencial e digital – que inclui 14 espetáculos presenciais e dez online, dos quais sete são estreias absolutas e sete estreias nacionais.

 

 

“É simples.... just call me by my name!”

Vince Entrevista Trans dezanove.jpg

Vince, 20 anos, FTM, residente em Cascais, aceitou partilhar connosco alguns DO's and DONT's (coisas que SIM devemos dizer e coisas que NÃO devemos dizer) que se efectivam cruciais quando interagimos com pessoas trans.

 

Rua Gisberta: "Iremos levar esta iniciativa até ao fim"

gisberta.jpg

Muita tinta correu depois da Comissão Organizadora da Marcha do Orgulho do Porto (COMOP), bem como outros colectivos e pessoas defensoras dos direitos das pessoas LGBTI+ terem anunciado que vão, mais uma vez, tentar que o nome de Gisberta, mulher trans que foi brutalmente assassinada há 15 anos, seja a designação de um arruamento, no Porto.

 

“Super-Straight”: Ser transfóbico nunca foi tão fácil quanto o é hoje em dia

opiniao_Summy Luís.png

Nesta segunda era de luz virtual, de progressismo, de união, de igualdade, há uma comunidade que continua a lutar por ter os seus direitos reconhecidos como membros desta pluralista sociedade mundial. Isto revelou ser uma montanha tão íngreme que se viram forçados a criar uma “sexualidade inteira”, completamente “original” e “válida” para ganhar uma posição política e social que lhes foi negada toda a sua vida. Senhoras, senhores, intermediários e os que escaparam ao binário, o Tik Tok (entre outras redes sociais) tem o prazer de vos apresentar: os Super Hetero.

Elliot Page é o primeiro homem trans na capa da Time

elliot page time magazine.jpg

Elliot Page está pronto para este momento e nós prontas e prontos para ouvir a sua verdade.  Chegou o momento, e após a actriz Laverne Cox se tornar a primeira mulher trans a figurar na capa da revista Time em 2014, Elliot é o primeiro homem trans a fazer a capa da Time, dando um grande passo para e por toda a comunidade trans.

 

O poder dos media

Três Macacos Sábios.jpg

O ser humano é influenciado por diversos estímulos que surgem de diversas fontes. Somos moldados pelo ambiente, pelo contexto de vida, pelas experiências a que estamos sujeitos, com os amigos, a família, os colegas de escola, os colegas de trabalho… Para além disso, uma das maiores fontes de influência na construção social e na forma como percepcionamos o que se passa à nossa volta são os meios de comunicação social.

 

Comunidade LGBTQI+ de Angola chocada com a morte de Litilson

Litilson dezanove Angola Cabinda.jpg

O falecimento aconteceu na província de Cabinda, no norte de Angola, e está a abalar a comunidade LGBTQI+ de Angola. Litilson de 25 anos, foi, segundo algumas fontes e confirmado junto da Associação Íris Angola, alvo de um brutal espancamento.