Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Vhils cria mural de Marielle Franco em Lisboa

 

marielle.jpg

O artista Vhils vai criar um mural dedicado a Marielle Franco, no âmbito do Festival Iminente, que decorre em Lisboa, de 21 a 23 de Setembro. Mônica Benício, esposa de Marielle, estará presente no festival.

O mural é promovido com o apoio da Amnistia Internacional. "A expressão da arte, em todas as suas formas, é capaz de sensibilizar e mobilizar para a luta pela justiça. Em tempos sombrios e de retrocessos em todo o mundo, é fundamental que ocupemos todos os espaços”, considera Mônica Benício.

“Com esta obra de arte em Portugal, queremos tornar o caso de Marielle Franco o mais visível possível – não só para celebrar a sua vida inspiradora e continuar a lutar pelas causas que lhe eram queridas, mas também garantir que os seus assassinos são levados à justiça”, prossegue Pedro Neto, director-executivo da Amnistia Internacional Portugal.

Recorde-se que Marielle Franco, activista eleita vereadora do Rio de Janeiro, trabalhou de forma incansável para promover os direitos das mulheres negras, pessoas LGBTI e dos jovens nas favelas, foi assassinada a 14 de Março de 2018 quando seguia no carro juntamente com o seu motorista, Anderson Gomes. Enquanto vereadora lutou pelas mulheres, pessoas LGBTI e pelos jovens negros das favelas. Seis meses após o seu assassinato, não houve poucos progressos na investigação.

 

Foto: Wikipedia